GESTÃO

Governo vai usar carros elétricos para transporte de servidores

Convergência Digital* ... 14/09/2020 ... Convergência Digital

O Ministério da Economia e o Governo do Distrito Federal (GDF) assinaram um acordo de parceria no projeto piloto Vem DF, que vai permitir o transporte administrativo de servidores federais pela Esplanada dos Ministérios, em Brasília. A ação já existe no governo distrital e vai abranger, também, o deslocamento a serviço dos servidores da União.

“A parceria com o GDF vai estimular o setor público na expansão do modelo de compartilhamento de veículos, divulgar a mobilidade elétrica, fomentar a cadeia produtiva e também economizar recursos de forma significativa”, explica a secretária adjunta de Gestão da Secretaria Especial de Desburocratização, Gestão e Governo Digital do ME, Elise Gonçalves.

O acordo estabelece o compromisso do ME em realizar a contratação centralizada para a aquisição e instalação de seis eletropostos para a Esplanada dos Ministérios e em outras localidades em que existam prédios do ME. Já ao GDF cabe compartilhar os veículos elétricos, carregadores e o software de gestão e monitoramento.

Neste primeiro momento, os veículos poderão ser utilizados por servidores do GDF e do Ministério da Economia, órgão escolhido como piloto. Posteriormente, o público poderá ser ampliado com corridas de curta distância atendidas pelos veículos elétricos.

Atualmente há 14 veículos elétricos do modelo Twizy, da fabricante Renault, que rodam pelo projeto Vem DF. A utilização deste tipo de veículo além de diminuir o gasto público com os deslocamentos, auxilia na diminuição da emissão de gases de efeito estufa e incentiva o setor privado na criação de modelos de negócios de compartilhamento de veículos que utilizem energia renovável.

Os próximos passos serão a realização dos ajustes com a implementação do modelo, treinamentos, definição da disponibilização dos carros aos servidores e a contratação e instalação dos eletropostos na Esplanada dos Ministérios. O prazo inicial de vigência do acordo é de doze meses.

* Com informações do ME


Carreira
Empresa voltada à transformação digital abre 130 vagas

Posições em aberto na Compasso UOL são para desenvolvimento em Cognitive Services e Bots, Digital Commerce, IOT, Data Inteligence, RPA (Robotic Process Automation) e Cloud Computing.

Governo busca interesse dos órgãos federais em postos para carros elétricos

Acordo entre o governo federal e o governo do Distrito Federal já prevê a instalação de seis ‘eletropostos’, mas demanda pode aumentar esse número.

Governo chega à marca de 1 mil serviços públicos digitalizados

Desempenho mantém em curso a meta de digitalização total de 3,8 mil serviços até 2022. 

Intelit: Compras públicas têm de abrir espaço à inovação e às startups

O CEO da prestadora de serviços de TI, Lincoln dos Santos Pinto, observa que um processo de compra pública leva em torno de seis meses, o que atrasa a inovação. Sobre a venda do Serpro e Dataprev, lembra da LGPD e defende o Estado como tutor dos dados pessoais do cidadão.

Governo federal x sindicatos: Proibido o recolhimento da contribuição sindical dos servidores

Portaria publicada nesta segunda, 5/10, orienta sobre "impossibilidade de cobrança de contribuição sindical por parte do servidor público federal da Administração Pública federal direta, autárquica e fundacional".




  • Copyright © 2005-2020 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G