Convergência Digital - Home

Universidade de Nova York escolhe empresa brasileira para projeto de nuvem

Convergência Digital
Convergência Digital* - 20/09/2019

A multinacional de tecnologia e engenharia Radix foi escolhida pela  New York University (NYU), considerada uma das instituições de ensino e pesquisa mais influentes do mundo, para atuar no desenvolvimento de um de seus programas, o NYU Administrative Data Research Facility (ADRF), que é uma plataforma hermética e segura de análise de dados confidenciais.

De acordo com o site da Coleridge Initiative, startup baseada na NYU que executa este projeto, o ADRF institucionaliza o acesso e o uso seguro de dados. É um ambiente baseado em nuvem e certificado pelo FedRAMP, que garante confidencialidade e sigilo das informações.

O sistema permite que agências do mesmo estado ou de estados diferentes dos Estados Unidos compartilhem seus dados em uma área comum na nuvem para determinadas ações. Somente no último ano, o ADRF ofereceu serviços para mais de 200 pesquisadores e funcionários de agências governamentais norte-americanas e abrigou quase 50 bases de dados confidenciais, de 12 agências diferentes de todos os níveis do governo.

“Nosso objetivo neste projeto era executar a reestruturação da arquitetura do ADRF com três principais focos: segurança, usabilidade e escalabilidade”, diz o gerente do projeto na Radix, Luiz Penedo. O programa foi executado pelos desenvolvedores Fausto Junqueira, João Ferreira e Willow Chung, que lidaram com tecnologias e plataformas como Docker, Kubernetes, Jupyter e AWS.

Empresa global com sedes no Rio de Janeiro e em Houston (EUA), a Radix atua nas áreas de tecnologia e engenharia, com o objetivo de transformar seu conhecimento técnico-científico em soluções qualificadas e com independência tecnológica para seus clientes. Hoje a companhia soma mais de 600 colaboradores.


Destaques
Destaques

IDC: mercado de nuvem pública vai chegar a R$ 15 bilhões em 2020

Mercado de TI brasileiro vai crescer 5,8% impulsioando pelos negócios de clóud computing e pela aceleração do mercado de software. Nuvem privada tem a preferência das grandes empresas e fica com até 25% do orçamento destinado à TI.

BRK Ambiental, CTG Brasil e Via Varejo aderem à nuvem na jornada digital

Empresas implementaram a plataforma SAP S/4HANA para sustentar a estrastégia digital. Os negócios de cloud tiveram forte impacto na receita da SAP Brasil.



Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV

Veja mais artigos
Veja mais artigos

Desafios às empresas: Contêineres, Orquestração e Microsserviços

Por Lenildo Morais*

Com o padrão “multi-edge edge computing”, o tráfego e os serviços de TI mudam de uma nuvem centralizada para micro-nuvens espalhadas o mais próximo possível dos usuários. As operadoras terão que oferecer serviços sob demanda, e mesmo em tempo real, para atender a todos os tipos de aplicativos.

Você já pensou no impacto que os seus dados geram no planeta?

Por Gustavo Loiola*

Hoje, são milhares de data centers espalhados pelo Planeta. É engraçado pensar nisso quando hoje falamos da tal da “nuvem" que armazena os nossos dados. Tiramos uma foto? Vai para a nuvem. Postamos no Instagram? Vai para a nuvem. Netflix, Spotify, Deezer? O streaming também está na nuvem.


Copyright © 2005-2016 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site