Home - Convergência Digital

Bateria de celular dá prêmio Nobel a três cientistas

Convergência Digital* - 09/10/2019

Os cientistas John Goodenough, dos EUA, Stanley Whittingham, do Reino Unido, e Akira Yoshino, do Japão, ganharam nesta quarta-feira, 9/10, o prêmio Nobel de Química pelo desenvolvimento de baterias de íons de lítio, uma importante tecnologia para reduzir o uso de combustíveis fósseis. 

Aos 97 anos, o norte-americano Goodenough se tornou o ganhador mais velho a receber um Nobel. 

“Essa bateria recarregável levou à fundação de dispositivos eletrônicos sem fio, como celulares e notebooks”, informou a Academia Real das Ciências da Suécia em um comunicado sobre o prêmio de 906 mil dólares. 

“(A bateria) também tornou possível um mundo livre de combustíveis fósseis, já que é utilizada para tudo, de carregar carros elétricos a armazenar energia de fontes renováveis”

Whittingham desenvolveu a primeira bateria de lítio funcional no início da década de 1970. Goodenough duplicou o potencial da bateria na década seguinte e Yoshino eliminou o lítio puro da bateria, elevando a segurança do dispositivo. 

* Com informações da Reuters

Enviar por e-mail   ...   Versão para impressão:
 

LEIA TAMBÉM:

29/09/2020
Para CNI, falta dinheiro no Brasil para a indústria 4.0

28/09/2020
Covid-19: Japão troca garçons por robôs em restaurantes

22/09/2020
Tecnologias vestíveis crescem 21%, mesmo com câmbio alto e pandemia

18/09/2020
ABDI lança plataforma para incentivar de encomendas tecnológicas

16/09/2020
Startup brasileira cria o Alan para disputar com a Alexa, da Amazon

14/09/2020
Governo vai usar carros elétricos para transporte de servidores

10/09/2020
BNDES seleciona aceleradora para programa nacional de startups

02/09/2020
Brasil sobe em ranking global de inovação, mas por falhas de outros países

31/08/2020
MCTI lança edital de R$ 105 milhões para startups inovadoras

20/08/2020
Inovação, mesmo antes da Covid-19, sai do centro da prioridade na América Latina

Destaques
Destaques

Vitor Menezes, Minicom: Vamos brigar por um leilão 5G não arrecadatório

O Ministério das Comunicações sinalizou às operadoras que trabalha para convencer os colegas de Esplanada a concentrar os valores envolvidos no leilão do 5G em compromissos de cobertura, minimizando o preço a ser pago ao Estado, afirmou o secretário de Telecomunicações, Vitor Menezes, ao participar do Painel Telebrasil 2020.

Claro: Sem antenas, São Paulo fica fora do 5G

CEO da Claro, Paulo Cesar Teixeira, criticou a miopia de executivos que ainda insistem em colocar restrições à implantação de antenas, como acontece na cidade de São Paulo. "5G é a grande plataforma para permitir um salto econômico mais vigoroso", advertiu.

Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV
Veja mais artigos
Veja mais artigos

Internet 5G traz disrupção para Telecomunicações até no modelo de negócio

Por Eduardo Grizendi*

Na RNP, estabelecemos um objetivo estratégico ambicioso – o de prover uma ciberinfraestrutura, segura, de alto desempenho e disponibilidade e, ao mesmo tempo, ubíqua, onipresente, em qualquer lugar e a qualquer hora, para nossas comunidades de educação, pesquisa e inovação.


Copyright © 2005-2020 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site