Anatel prepara nova proposta de projeto de lei para reduzir taxas de telecom

Luís Osvaldo Grossmann ... 17/10/2019 ... Convergência Digital

Ano e meio depois de uma primeira tentativa, o conselheiro Aníbal Diniz, da Anatel, apresentou nesta quinta, 17/10, uma nova proposta que pretende encaminhar ao governo federal para ser transformado em eventual projeto de lei para modificar a cobrança de taxas no setor de telecomunicações. 

Desta vez, sugestão é de juntar Fust, Funtel, Fistel, Condecine e CFRP em uma única Cide-Telecom, a ser gerida apenas pela Anatel, e cobrar apenas das empresas que registrarem faturamento acima de R$ 5 milhões por ano. 

“Essa proposta prevê uma redução do número de contribuintes de 146 mil para menos de 1 mil, mantendo-se apenas as prestadoras de telecom que exploram com fins comerciais e concentram 98,9% da arrecadação das taxas vigentes, tendo como único fato gerador, prestação de serviço de telecomunicação de interesse coletivo”, defendeu Diniz. 

Segundo ele, nessa proposta “não foi possível manter a neutralidade tributária, mas permite uma redução gradual da carga”. E se houve crescimento do setor, o efeito deverá ser nulo para a arrecadação. “A perda de arrecadação será completamente eliminada se o crescimento anual do setor ficar acima de 4%”, disse.

Uma primeira sugestão de PL foi encaminhado pela agência ao Ministério de Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações em meados de 2018, as a proposta não avançou. A nova versão é reflexo de conversas com o setor sobre ajustes naquela ideia primeira. Um pedido de vista do presidente Leonardo de Morais deixou uma decisão para o futuro. 


Internet Móvel 3G 4G
Justiça dos EUA dá vitória à FCC para implantação ágil de small cells para 5G

Cidades norte-americanas contestavam a interferência da agência reguladora norte-americana por exigir agilidade na concessão de licenças para adoção de small cells para o aumento da cobertura 5G.

Anatel recria 10 colegiados após extinção por Decreto presidencial

Uso do Espectro, Defesa dos Usuários, Prestadoras de Pequeno Porte, Aferição da Qualidade, Ofertas de Atacado, Acompanhamento de Redes são alguns dos grupos reestabelecidos pela agência. 

Reclamações contra oferta de banda larga crescem 40% com a quarentena da Covid-19

Queixas na Anatel cresceram especialmente a partir de março. No conjunto dos serviços, agência recebeu 1,52 milhão de reclamações entre janeiro e junho. Também houve um aumento de 20% com relação à telefonia móvel.

Oi quer corte de dívida com Anatel por desequilíbrio na concessão

“Tem que fazer um PGMU mais leve para que a gente possa respirar”, defende a diretora regulatória, Adriana Costa. Anatel esclarece que concessão não é sinônimo de lucro garantido. 

Huawei defende reserva de 500 MHz da faixa de 6GHz para as teles

Para o diretor da Huawei Brasil, Carlos Lauria, a reserva técnica é a melhor garantia para aguardar a evolução da tecnologia. "Se der tudo agora, não tem como voltar atrás depois", observa o executivo.

Revista do 63º Painel Telebrasil 2019
Veja a revista do 63º Painel Telebrasil 2019 Transformação digital para o novo Brasil. Atualizar o marco regulatório das telecomunicações é urgente para construir um País moderno, próspero e competitivo.
Clique aqui para ver outras edições



  • Copyright © 2005-2020 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G