Home - Convergência Digital

RH da OLX define planos de cargos e salários como ultrapassados

Convergência Digital* - 13/08/2019

Os planos de cargos e salários (PCSs) são instrumentos retrógrados, assim definiu a gerente de RH da OLX, a psicóloga Simone Frazão, ao proferir palestra durante o 3º Encontro de RH para RH realizado, na semana passada, pelo TI Rio. O evento reuniu profissionais das áreas de recursos humanos das empresas do setor de TI e teve os “Planos de Cargos e Salários” como tema. Para ela, o importante é existir uma estrutura que permita o gerenciamento do pessoal e esse é o papel das áreas de recursos humanos nas empresas.

Segundo Simone Frazão, a OLX não tem um PCS, mas uma estrutura que permite aos empregados terem seus próprios planejamentos de evolução na empresa e aos gestores fazerem o melhor gerenciamento de forma a reconhecerem os funcionários. Ela diz que há diferentes formas de lidar com a questão e afirma que as empresas precisam de estabilidade, mas não podem ter um PCS que enrijeça seus funcionamentos. Por isso, recomenda como fundamental em qualquer situação que na criação do PCS as pessoas sejam ouvidas.

Além disso, afirma que não se pode implementar nada que seja difícil de mudar. Como recomendação está a de ter clareza e flexibilidade. Na OLX, empresa onde 81% dos empregados têm até 35 anos de idade, um dos desafios é a retenção de pessoas, pois essa parcela mais jovem quer alavancar a carreira muito rapidamente.

A diretora de RH da Olx considera ainda um desafio fundamental para o RH ser reconhecido e respeitado pelos gestores da empresa. Para tanto, nessa conquista de espaço, é necessário que o papel do RH seja entendido como central para o funcionamento das organizações e que os objetivos da área, que são atrair, reter, engajar, reconhecer pessoal, apoiar decisões, oferecer estrutura e garantir a equidade interna, sejam claros.

Para chegar lá, Simone deu conselhos aos participantes. Entre outros, de que os profissionais devem ser parceiros dos negócios (ouvir as necessidades da empresa), devem buscar referências de mercado fazer benchmarking, estar aberto a novas ideias, sempre utilizar dados para embasar decisões; conectar as atividades com objetivos e valores do negócio (mostrar benefícios para o gestor); exercitar a capacidade analítica (criticar, não aceitar simplesmente o que vem do mercado, mas analisar sob o ponto de vista do negócio) e ser parceiro dos líderes, escutar, pedir e nunca tentar impor, mas, sim, se conectar aos gestores.

Nomenclatura dos cargos

Uma das questões que praticamente foi unanimidade entre os participantes é a quase impossibilidade de diferentes empresas apresentarem a mesma nomenclatura para os cargos. Simone afirma que deve haver flexibilidade para atender às necessidades de cada empresa. Ressaltou a importância de ficarem explícitas as funções de cada cargo, o que, na OLX, é divulgado na Intranet. “A descrição dos cargos tem que ser atualizada permanentemente, pois vão se alterando.”

Outro ponto de destaque foi a retenção de pessoal. Na OLX, explicou, são abertas duas janelas anuais para movimentação do pessoal. É uma forma de permitir aos gestores reconhecerem e promoverem seus colaboradores e, dessa forma, os reterem na empresa. Mesmo assim, admite, é difícil segurar as novas gerações. Essas revisões salariais regulares, afirma, permitem que o gestor seja ativo. “Não queremos ficar esperando o empregado chegar e apresentar uma proposta da concorrência para, só aí pensarmos como cobrir. Preferimos nos antecipar.”

Um instrumento de gerenciamento utilizado na OLX é a chamada “carreira em y”, que permite aos profissionais optarem ao longo do tempo entre seguir para um cargo gerencial ou ficar como especialista numa área técnica, mas assegurando ganhos financeiros, mesmo sem assumir cargos mais elevados na hierarquia. “Apresentamos tudo com clareza para cada um saber qual a possível movimentação na carreira, o que inclui o crescimento em movimento lateral. Outro benefício gerenciado pelo RH da OLX é a Participação nos Lucros e Resultados (PLR). Simone ressalta a importância de ter critérios bem definidos e apresentá-los com clareza. No caso da empresa foi estendido para toda a empresa e homologado com o sindicato dos trabalhadores.

Fonte: Assessoria do TI Rio

Enviar por e-mail   ...   Versão para impressão:
 

LEIA TAMBÉM:

10/08/2020
Cursos de IoT e de computação em nuvem chegam à HSM University Code School

07/08/2020
IOS abre 1.140 vagas e fornece acesso à Internet para plataforma de cursos

06/08/2020
Instituto tem mais de 10 mil bolsas em bootcamps para formar profissionais de TI em dois meses

20/07/2020
Mais de 300 vagas abertas em TIC para transformação digital

14/07/2020
Transformação Digital vira pós-graduação no Departamento de Informática do CTC/PUC-Rio

08/07/2020
Programa brasileiro de capacitação digital para a economia 4.0 abre inscrições

07/07/2020
Empresa de transformação digital abre 200 vagas para seu Programa de Estágio 2021

02/07/2020
Startup oferece 20 mil bolsas de estudos gratuitas para computação em nuvem

29/06/2020
DELL Technologies oferece três mil vagas para cursos online gratuitos por EaD

26/06/2020
Empresa de cibersegurança oferece cursos on-line gratuitos no Brasil

ARTIGO . Por Melissa Torgbi

Cientista de dados: seja curioso, se envolva e tenha muita disposição para resolver problemas

Há muita empolgação acerca do termo “ciência de dados” atualmente. Para nós que queremos ser cientistas de dados, há alguns requisitos. Um deles: ter muita, mas muita vontade de aprender o tempo todo.

Veja mais artigos
Veja mais artigos

Seis dicas para formar uma equipe de trabalho resiliente

or Craig Mackereth*

Formar uma equipe ou força de trabalho resiliente não é tarefa que se execute da noite para o dia. Tampouco é possível tornar uma equipe verdadeiramente resiliente se isso ainda não estiver integrado ao DNA da empresa.

Destaques
Destaques

TRT/SP rejeita cautelar das empresas de TI e cobra Convenção Coletiva 2020

O desembargador e vice-presidente judicial do Tribunal Regional do Trabalho da 2 Região, Rafael Edson Pugliese Ribeiro, em despacho, alerta que a falta de renovação da Convenção Coletiva 'é a falência do diálogo'. Convergência Digital publica a íntegra da decisão.

Microsoft muda alto escalão da AL e fica à espera de Rodrigo Kede,em litígio com a IBM

O presidente para a AL da Microsoft, Cesar Cernuda, e a brasileira Paulo Bellizia, vice-presidente de Vendas, Marketing e Operações para a região, oficializaram a saída da empresa. A computação em nuvem é pano de fundo no embate entre as gigantes.

Gestor de Tecnologia foi repaginado pela Covid-19

Os responsáveis por compliance, por digitalização e por suppy chain foram reconhecidos e estão à frente das ações das empresas e passaram a ter acento nos comitês de liderança, afirma o consultor da Russell Reynolds Associates, Márcio Gadaleta.

Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV

Copyright © 2005-2015 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site