Home - Convergência Digital

TIM e Vivo avaliam ampliar compartilhamento também para o 3G

Luís Osvaldo Grossmann - 24/07/2019

O presidente da Vivo, Christian Gebara, disse nesta quarta-feira, 24/7, que a rede de telecomunicações necessária para um país das dimensões do Brasil é muito ampla e o compartilhamento recém-anunciado com a TIM é uma das formas de garantir essa cobertura. 

“É difícil acreditar que seremos capazes de sermos um player independente, construindo nós mesmos toda a rede que acreditamos ser necessária em um país do tamanho do Brasil”, afirmou o executivo durante apresentação dos resultados da companhia no segundo trimestre deste ano. 

“Ainda é cedo para falarmos de impacto. Vai depender dos resultados no Capex e Opex. Mas estou otimista de que isso pode funcionar. E podemos vir a expandir para o 3G também”, completou Gebara. Ele explicou que “é acordo diferente com o que fizemos com a Oi, que era em 2,5 GHz, para o 4G. No fim fizemos 1,3 mil sites, ou seja, cerca de 650 cada empresa. Este acordo com a TIM é mais agressivo em cidades e sites. Temos 90 dias para fazer acontecer. Estamos falando em 150 cidades cada.”

Segundo ele, “a ideia no 2G é trabalhar um única rede dividindo o footprint e fornecer serviços em metede do país cada, liberando frequências para uso em outras tecnologias, como 4G. Vamos começar fora das capitais para ver como funciona e podemos expandir para outras. Vai depender da análise nesses 90 dias antes da aprovação da Anatel. No 4G, o foco é em 700 MHz, em cidades com menos de 30 mil habitantes. Se funcionar, pode também ser ampliado para cidades maiores.”

Enviar por e-mail   ...   Versão para impressão:
 

LEIA TAMBÉM:

29/09/2020
Para TIM, migração para banda Ku vai atrasar ainda mais 5G

29/09/2020
TIM: OpenRAN é caminho para Brasil sair do atraso no 5G

21/09/2020
TIM avança na base da Claro e da Vivo em São Paulo

28/08/2020
TIM incentiva migração do 3G para 4G com troca diretamente pelo celular

27/08/2020
TIM ativa 4G,em 700MHz, em 66 cidades de São Paulo

27/08/2020
Governo italiano tem plano para reduzir controle da Telecom Italia em rede única de banda larga

25/08/2020
TIM: consolidação da Oi passa pelo equilíbrio de frequências com Claro e Vivo

20/08/2020
Vivo amplia seu ecossistema digital ao agronegócio com soluções IoT

10/08/2020
Por acordo com Anatel, TIM começa a ressarcir R$ 4 milhões em cobranças

31/07/2020
Ultrafibra da TIM chega ao Distrito Federal

Destaques
Destaques

Vitor Menezes, Minicom: Vamos brigar por um leilão 5G não arrecadatório

O Ministério das Comunicações sinalizou às operadoras que trabalha para convencer os colegas de Esplanada a concentrar os valores envolvidos no leilão do 5G em compromissos de cobertura, minimizando o preço a ser pago ao Estado, afirmou o secretário de Telecomunicações, Vitor Menezes, ao participar do Painel Telebrasil 2020.

Claro: Sem antenas, São Paulo fica fora do 5G

CEO da Claro, Paulo Cesar Teixeira, criticou a miopia de executivos que ainda insistem em colocar restrições à implantação de antenas, como acontece na cidade de São Paulo. "5G é a grande plataforma para permitir um salto econômico mais vigoroso", advertiu.

Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV
Veja mais artigos
Veja mais artigos

Internet 5G traz disrupção para Telecomunicações até no modelo de negócio

Por Eduardo Grizendi*

Na RNP, estabelecemos um objetivo estratégico ambicioso – o de prover uma ciberinfraestrutura, segura, de alto desempenho e disponibilidade e, ao mesmo tempo, ubíqua, onipresente, em qualquer lugar e a qualquer hora, para nossas comunidades de educação, pesquisa e inovação.


Copyright © 2005-2020 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site