Home - Convergência Digital

5G é decisão de Estado e quem decide banimento da Huawei é Bolsonaro

Convergência Digital* - 15/07/2020

O ministro das Comunicações, Fabio Faria, repetiu, em entrevista concedida nesta terça-feira, 14/07, à TV Record, que 5G é uma questão de Estado e a decisão do modelo a ser adotado no Brasil passará pelo presidente da República, Jair Bolsonaro.

Mas se esquivou de comentar sobre o banimento da Huawei no Reino Unido, em uma posição política favorável aos Estados Unidos. "Não é o momento de definir nada, uma vez que o leilão será em 2021. Pretendo conhecer todos os players e entender as tecnologias possíveis, mas é um tema que envolve muitas coisas e vão além do ministério", pontuou o ministro.

Em reportagem nesta quarta-feira, 14/07, o portal Teletime mostra que o posicionamento do Brasil é único na América Latina, pelo menos foi o que falou o CEO da América Móvil, controladora da Claro, Daniel Hajj. De acordo com a matéria, Hajj enfatizou: "Não estamos ouvindo nada hoje sobre banir a Huawei em outros países latino-americanos, vimos apenas alguma coisa no Brasil, mas nada formal do governo. É o único lugar".



Enviar por e-mail   ...   Versão para impressão:
 

LEIA TAMBÉM:

14/08/2020
Venda da Oi Móvel não impede Oi no leilão 5G

14/08/2020
Justiça dos EUA dá vitória à FCC para implantação ágil de small cells para 5G

14/08/2020
Amdocs compra Openet por negócios 5G

13/08/2020
EUA banem empresas que usam produtos da Huawei das compras governamentais

11/08/2020
Edital do 5G vai ao mercado com ou sem venda da Oi Móvel

11/08/2020
Anatel prepara dois editais do 5G à espera de filtros para antenas parabólicas

10/08/2020
EUA vão vender 100 MHz para impulsionar 5G

10/08/2020
Huawei dá o troco e Qualcomm alerta para o risco dos EUA perder muito dinheiro

06/08/2020
Huawei não pode ser usada para atrasar ainda mais o leilão 5G

06/08/2020
Se Anatel quiser, redes privadas não precisam esperar o leilão 5G

Destaques
Destaques

Edital do 5G vai ao mercado com ou sem venda da Oi Móvel

"Não vou submeter um processo de política pública, como é o edital 5G, a uma fusão e aquisição", afirmou o presidente da Anatel, Leonardo de Morais.

Venda de smartphones piratas dispara 135% no 1ºtri no Brasil

Tombo no primeiro trimestre foi de 8,7% - e chegou a 22,4% entre os aparelhos mais simples. Alta do dólar e a falta de componentes impactaram a venda dos dispositivos no país.

Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV
Veja mais artigos
Veja mais artigos

Uma escolha de Sofia no leilão de 5G

Por Juarez Quadros do Nascimento*

Em um país democrático, como o Brasil, sem análise estratégica, não daria para arriscar em dispor, comercial e tecnologicamente, de “uma cortina de ferro ou uma grande muralha” para restringir fornecedores no mercado de telecomunicações.


Copyright © 2005-2020 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site