INOVAÇÃO

Mão de obra é o gargalo para fazer tecnologia e inovação no Brasil

Ana Paula Lobo e Pedro Costa, de Curitiba, PR ... 04/09/2019 ... Convergência Digital

A maior dificuldade, hoje, para avançar em Tecnologia está na falta de mão de obra, lamenta o presidente da Assespro Paraná, Adriano Krzyuy. O estado do Paraná quer ser o mais inovador do Brasil, mas sofre com a demanda por profissionais especializados. "Tecnologia e inovação são feitos por pessoas. E hoje temos poucas pessoas capacitadas", observa o executivo.

À CDTV, do portal Convergência Digital, Adriano Krzyuy diz que a pouca atratividade dos jovens para tecnologia e engenharias em geral está com os problemas na base do ensino. "Não se consegue desenvolver habilidades desde cedo em áreas como lógica, matemática e o inglês. TEmos de fomentar o interesse dos jovens para TICs. Essa é uma obrigação nossa", afirma.

A transformação digital foi um dos temas principais do My Innova Summit 2019, evento realizado pela Assespro Paraná. "Todos nós tivemos que mudar por causa da jornada digital. Nossas empresas tiveram de mudar processos, passar por nova capacitação e estudar novas ferramentas". Assistam a entrevista com o presidente da Assespro Paraná, Adriano Krzyuy.


Tecnologias vestíveis crescem 21%, mesmo com câmbio alto e pandemia

Segundo a IDC, foram vendidos 208,3 mil dispositivos como ‘fitbands’ e ‘smartwaches’ no Brasil no segundo trimestre deste 2020. 

Startup nacional é acelerada para avançar no uso dos robôs de investimento

Solução da Allê Invest foi escolhida pelo Hupp, programa de aceleração da Abrapp - Associação Brasileira das Entidades Fechadas de Previdência Complementar - para ser acelerada. Mercado é estimado em US$ 18 trilhões no mundo, em 2025.

Disputa pelos 'sem banco' acirra guerra entre bancos e fintechs de pagamento

Pesquisa, feita pela Temenos, em 32 países indica que 29% dos executivos de instituições financeiras mostra que um de cada três bancos vê as fintechs como ameaça principal aos seus negócios.

Covid-19: software para laboratórios permite colher dados de 5 mil pacientes por dia

Tecnologia da Fundação CERTI coleta informações em até 1 minuto e resolve o gargalo da demora nos testes em larga escala e adequado à Lei Geral de Proteção de Dados.

Inovação, mesmo antes da Covid-19, sai do centro da prioridade na América Latina

Pesquisa mostra que o compromisso das empresas caiu bastante em 2020, e os dados foram apurados antes do impacto da pandemia nos negócios.



  • Copyright © 2005-2020 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G