Convergência Digital - Home

Universidade de Nova York escolhe empresa brasileira para projeto de nuvem

Convergência Digital
Convergência Digital* - 20/09/2019

A multinacional de tecnologia e engenharia Radix foi escolhida pela  New York University (NYU), considerada uma das instituições de ensino e pesquisa mais influentes do mundo, para atuar no desenvolvimento de um de seus programas, o NYU Administrative Data Research Facility (ADRF), que é uma plataforma hermética e segura de análise de dados confidenciais.

De acordo com o site da Coleridge Initiative, startup baseada na NYU que executa este projeto, o ADRF institucionaliza o acesso e o uso seguro de dados. É um ambiente baseado em nuvem e certificado pelo FedRAMP, que garante confidencialidade e sigilo das informações.

O sistema permite que agências do mesmo estado ou de estados diferentes dos Estados Unidos compartilhem seus dados em uma área comum na nuvem para determinadas ações. Somente no último ano, o ADRF ofereceu serviços para mais de 200 pesquisadores e funcionários de agências governamentais norte-americanas e abrigou quase 50 bases de dados confidenciais, de 12 agências diferentes de todos os níveis do governo.

“Nosso objetivo neste projeto era executar a reestruturação da arquitetura do ADRF com três principais focos: segurança, usabilidade e escalabilidade”, diz o gerente do projeto na Radix, Luiz Penedo. O programa foi executado pelos desenvolvedores Fausto Junqueira, João Ferreira e Willow Chung, que lidaram com tecnologias e plataformas como Docker, Kubernetes, Jupyter e AWS.

Empresa global com sedes no Rio de Janeiro e em Houston (EUA), a Radix atua nas áreas de tecnologia e engenharia, com o objetivo de transformar seu conhecimento técnico-científico em soluções qualificadas e com independência tecnológica para seus clientes. Hoje a companhia soma mais de 600 colaboradores.


ARTIGO . Por Melissa Torgbi

Cientista de dados: seja curioso, se envolva e tenha muita disposição para resolver problemas

Há muita empolgação acerca do termo “ciência de dados” atualmente. Para nós que queremos ser cientistas de dados, há alguns requisitos. Um deles: ter muita, mas muita vontade de aprender o tempo todo.

Destaques
Destaques

Governo digital: qualidade do serviço passa pela integração dos dados

O bom resultado dos serviços digitalizados passa por uma infraestrutura de TI robusta, com dados interoperáveis em todas as camadas, aponta o VP da Oracle, Rodrigo Solon Chaves.

Empresas ambicionam mais Inteligência Artificial, mas sofrem com falta de talento

Um apesquisa global da Bain mostra que três em cada empresas, instigadas pela covid-19 e a aceleração da digitalização, se preparam para investir mais em inteligência artificial e machine learning. Mas assumem que as dificuldades não são poucas.



Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV

Veja mais artigos
Veja mais artigos

O que é o balanceamento de carga de alta disponibilidade?

Por Ivan Marzariolli *

A alta disponibilidade começa com a identificação e eliminação de pontos únicos de falha em sua infraestrutura que podem desencadear uma interrupção do serviço - por exemplo, implantando componentes redundantes para fornecer tolerância a falhas no caso de um dos dispositivos estiver com problemas.

Dados em tempo real fazem toda a diferença no e-commerce

Por Leandro Rodriguez*

O tempo se tornou o fator crítico no relacionamento entre vendedor e comprador. Levar informações em tempo real a uma filial local ou a gerentes de loja pode ser determinante para a aquisição de clientes e, consequentemente, aumentar as vendas.


Copyright © 2005-2020 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site