Convergência Digital - Home

Petrobras usa supercomputador Santos Dumont para testes em tempo real

Convergência Digital
Convergência Digital* - 27/11/2019

Fornecido pela Atos em 2015 ao Laboratório Nacional de Computação Científica (LNCC), o Computador de Alto Desempenho Santos Dumont recebeu uma atualização que o posiciona, pela segunda vez, como o maior da América Latina dedicado à pesquisa, e o coloca novamente na lista dos TOP 500 supercomputadores do mundo.

O Supercomputador está instalado em Petrópolis, no Rio de Janeiro, e com a expansão de 4 Petaflops passa a operar a partir de agora com a capacidade de processamento total de aproximadamente 5,1 quatrilhões de operações por segundo, um aumento de aproximadamente 360% se comparado às especificações originais de 2015 de 1,1 Petaflops.

"Com esta expansão, o LNCC passa a ter acesso às tecnologias de ponta implementadas pela Atos, utilizando uma plataforma híbrida e de alta capacidade de processamento que permite suportar diferentes cargas de trabalho, ampliando sua capacidade de suportar pesquisas e desenvolvimento, especialmente nas áreas de Inteligência Artificial e Deep Learning", explica Luis Casuscelli, Diretor de Big Data e Segurança Cibernética da Atos. Segundo o diretor, o Santos Dumont está equipado de uma infraestrutura de resfriamento altamente eficiente e sustentável, que utiliza água e temperatura ambientes, reduzindo a energia utilizada para refrigeração do supercomputador.

A expansão é uma iniciativa em conjunto com o Consórcio Libra, liderado pela Petrobras e visa apoiar o desenvolvimento de pesquisas no setor de petróleo e gás, principalmente para estudos de imagens sísmicas em profundidade e simulação de reservatório em tempo real, com mais precisão. No total já são cerca de 150 projetos de pesquisas realizados com o Santos Dumont, que atendem desde áreas estratégicas como a exploração de petróleo e gás, carvão mineral e energias renováveis, mas também ações como a pesquisa do vírus da ZIKA e Dengue, desenvolvimento de fármacos para HIV e estudos sobre Clima.

"A expansão do Santos Dumont é um projeto que nos dá muito orgulho porque reforça o posicionamento da Atos como parceira confiável para os desafios digitais de corporações e entidades governamentais. Juntos com o LNCC apresentamos, pela segunda vez, o maior supercomputador da América Latina dedicado à pesquisa científica e ajudamos, assim, a colocar o Brasil na lista das nações com grande capacidade em Computadores de Alto Desempenho", conclui Nelson Campelo, CEO da Atos para a América do Sul.

O Consórcio de Libra opera o campo de Mero e é liderado pela Petrobras – com participação de 40% - em parceria com a Shell (20%), Total (20%), CNPC (10%), e CNOOC Limited (10%). O Consórcio tem ainda a participação da companhia estatal Pré-Sal Petróleo SA (PPSA), que exerce papel de gestora desse contrato.


Destaques
Destaques

Governo negocia para transformar Foz do Iguaçu em zona franca para datacenters

O secretário de Telecomunicações do MCTIC, Vitor Elisio de Menezes, conta que negocia a incorporação dos datacenters em uma classe especial para consumo de energia, ativo que mais encarece as operações no Brasil.

Disseminação de serviços em nuvem puxa investimentos globais em TI

Segundo projeções da consultoria Gartner, gastos devem bater em R$ 15 trilhões neste ano e crescer 3,7% em 2020, puxados por cloud computing. 



Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV

Veja mais artigos
Veja mais artigos

Você já pensou no impacto que os seus dados geram no planeta?

Por Gustavo Loiola*

Hoje, são milhares de data centers espalhados pelo Planeta. É engraçado pensar nisso quando hoje falamos da tal da “nuvem" que armazena os nossos dados. Tiramos uma foto? Vai para a nuvem. Postamos no Instagram? Vai para a nuvem. Netflix, Spotify, Deezer? O streaming também está na nuvem.

As lições do buraco negro e da análise de dados às empresas

Por Paulo Watanave*

O fato é que por trás das aplicações e sistemas usados nas operações já existe um grande e variado conjunto de insights e algoritmos que podem ser usados para gerar valor real às organizações e para as pessoas de um modo geral. Estima-se que menos de 10% das companhias em todo o mundo tenham estratégias bem definidas para a utilização dos recursos digitais e das informações.


Copyright © 2005-2016 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site