TELECOM

Teles vão ao STF contra lei que obriga atendimento em 15 minutos

Convergência Digital* ... 12/02/2019 ... Convergência Digital

As operadoras de telecomunicações reclamam no Supremo Tribunal Federal contra a Lei 16.725/2018 do Estado de São Paulo, que dispõe sobre o tempo máximo de espera para atendimento nas lojas de operadoras de telefonia fixa e celular.

A norma estabelece o prazo máximo de 15 minutos em dias normais e de 25 minutos em véspera de feriados e datas comemorativas para atendimento aos usuários. E prevê multa no valor de 250 Unidades Fiscais do Estado de São Paulo (atualmente cerca de R$ 6,6 mil) em caso de descumprimento.

A exemplo de várias outros casos no Supremo, a Ação Direta de Inconstitucionalidade 6066 sustenta que a lei paulista invadiu a competência privativa da União para legislar sobre serviços de telecomunicações e portanto deve perder sua eficácia.

Como lembram as operadoras no processo, o STF já assentou o entendimento de que não há competência concorrente dos estados para legislarem sobre telecomunicações, mesmo no que diz respeito às relações com os usuários destes serviços.

Além de argumentarem que uma legislação estadual sobre o assunto poderia criar tratamentos diferenciados para os consumidores no país, as empresas apontam, ainda, que o Regulamento Geral de Direitos do Consumidor adotado pela Anatel prevê um prazo de 30 minutos para o atendimento presencial.

* Com informações do STF


Internet Móvel 3G 4G
Brasil fica em último lugar em ranking de uso para carros autônomos

País despensou oito posições em 12 meses e ocupa a 25ª posição do Ranking de prontidão para veículos autônomos da KPMG. Entre os quesitos analisados estão política e legislação e tecnologia e inovação.

Painel Telebrasil 2019
A 63ª edição do principal encontro institucional de lideranças do setor de telecomunicações e TICs acontecerá entre os dias 21 e 23 de maio de 2019, em Brasília. Saiba mais em paineltelebrasil.org.br
Veja o vídeo

TIM quer infraestrutura única para cidades com menos de 30 mil habitantes

Para o CTIO da operadora, Leonardo Capdeville, não faz sentido infraestruturas diferentes em localidades onde a receita é mais baixa. CEO da TIM, Pietro Labriola, fala em IoT como fonte nova de receita.

Anatel mantém pente fino na recuperação judicial da Oi

Agência vai manter o grupo de trabalho criado para acompanhar a operadora. Também quer receber dados financeiros, fluxo de caixa atual, receitas e custos e financiamentos, além de eventuais alienações. Prazo dado à Oi para passar as informações é de 60 dias.

Uma em cada cinco conexões à internet fixa acontece por fibra óptica

Em 12 meses, proporção dos acessos registrados pela Anatel que usam a tecnologia passou de 12% para 20% do total. Cabo detém outros 30%. O Brasil contabiliza 6,33 milhões de acessos em fibra óptica. ISPs mostram força e já representam 21% do market share.

Smartphones puxam demanda global por carregadores sem fio

Segundo números da consultoria IHS Markit, em 2018 foram registrados embarques de 300 milhões de smartphones com essa tecnologia.




  • Copyright © 2005-2019 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G