TELECOM

Oi homologa acordo e encerra litígio com a Pharol

Ana Paula Lobo* ... 03/04/2019 ... Convergência Digital

A Oi disse nesta quarta-feira, 03/04, que foi homologado acordo celebrado em janeiro com sua acionista indireta Pharol, iniciando-se assim prazo para cumprimento da segunda parte de obrigações no acordo, incluindo pedido de extinção da totalidade de litígios envolvendo as partes.

Também conforme determinado no acordo, a segunda parte prevê a entrega à acionista direta Bratel, subsidiária da Pharol, de 33,8 milhões ações da Oi que estão em sua tesouraria, sendo 32 milhões ações ordinárias e 1,8 milhão de ações preferenciais.

A Oi assinou em janeiro acordo com o grupo português para encerrar processos judiciais abertos no Brasil, Portugal e em outras regiões e garantir apoio da acionista para seu plano de recuperação judicial. O acerto - à época previa que a Oi vai pagar 25 milhões de euros à Pharol, que deverá usá-los no aumento de capital da própria Oi. Além disso, a tele vai entregar todas as 33,8 milhões de ações que detém em tesouraria.

O comunicado ao mercado detaque que " Desta  forma, conforme determinado no Acordo, inicia-se nesta data o  prazo para cumprimento da segunda  parte  das  obrigações  previstas  para  ambas  as  Partes  do  Acordo, incluindo (a) o pedido de extinção da totalidade dos litígios envolvendo as Partes indicados no instrumento  do Acordo  (“Litígios”)  e (b) a entrega  à  Bratel  de  33,8  milhões  ações  da  Oi  que estão   em   sua   Tesouraria,   sendo  32 milhões ações ordinárias e 1,8 milhões ações preferenciais"


Internet Móvel 3G 4G
Leilão 5G na Alemanha já supera 6 bilhões de euros

Licitação, que está na 10ª semana, superou todas as expectativas de arrecadação, mas provoca dúvidas sobre a capacidade financeira dos vencedores para investir na construção das redes.

Painel Telebrasil 2019
A 63ª edição do principal encontro institucional de lideranças do setor de telecomunicações e TICs acontecerá entre os dias 21 e 23 de maio de 2019, em Brasília. Saiba mais em paineltelebrasil.org.br
Veja o vídeo

Telefônica: gap digital é enorme no Brasil

Ao participar do Painel Telebrasil 2019, o presidente da Telefônica/Vivo, Christian Gebara, disse que  a empresa manterá os investimentos no Brasil, mas advertiu que é urgente criar um ambiente mais favorável aos investimentos. Gebara lembrou que 87% dos municípios brasileiros não contam com conexões acima de 34Mbps disponíveis.

Presidente do Senado quer votar marco de telecom até junho

"Estamos buscando o entendimento para ainda neste semestre resolvermos essa matéria e entregarmos ao Brasil a capacidade de investir R$ 20 bilhões, R$ 30 bilhões", disse Davi Alcolumbre às teles durante o Painel Telebrasil 2019.

Leilão do 5G inclui quatro faixas e será o maior da história da Anatel

Proposta que chega ao conselho diretor da agência elenca 3.600 MHz de radiofrequências para o leilão previsto para o primeiro trimestre de 2020. “Quanto maior a disponibilidade, menor será o custo de levar essa capacidade”, afirma o presidente da agência, Leonardo de Morais.

Anatel vai permitir que roteadores WiFi tenham potência maior

“Hoje temos uma limitação de 200 miliwatts na faixa de 5150 a 5350 MHz, limitando o uso apenas indoor, sendo que na faixa superior temos possibilidade de uso de até 1 Watt de potência. Plano é deixar esse limite flat”, explica o gerente de espectro da agência, Agostinho Linhares.




  • Copyright © 2005-2019 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G