SEGURANÇA

Governo de SP cria 'Dronepol' e usa drones para vigilância

Convergência Digital* ... 12/04/2019 ... Convergência Digital

O governador de São Paulo, João Doria, anunciou nesta sexta-feira, 12/04, a implantação de um programa de vigilância da Polícia Militar por meio de drones, o Dronepol. O governo paulista vai comprar 208 drones para o programa, em um investimento estimado em mais de 6,3 milhões de reais. As aquisições devem ocorrer por meio de licitações ainda neste semestre e a entrega dos equipamentos deve acontecer até outubro.

“O custo operacional para drone é 140 vezes menor do que o custo operacional de um helicóptero da Polícia Militar...E a funcionalidade e eficiência chega a ser superior, dado ao fato de que o drone pode fazer voos em baixa altitude”, disse Doria em comunicado à imprensa.

Os drones serão integrados ao sistema “Olho de Águia” da Polícia Militar, um programa de monitoração em tempo real que envia as imagens captadas para o Centro de Operações da PM, informou o governo do Estado.

Antes da utilização, os drones deverão ser homologados pela Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) e pelo Departamento de Controle de Espaço Aéreo (DCEA), além de estarem de acordo com normas da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel). Os policiais que utilizarão os drones deverão passar por cursos específicos.

*Com agências de notícias


Ministério Público lança cartilha sobre golpes no WhatsApp

Documento reúne orientações como evitar o compartilhameento de códigos enviados por SMS ou habilitação do sistema de verificação em duas etapas. 

Zoom é isca em 99% dos ataques com ferramentas de ensino online

Segundo levantamento das empresas de segurança Kaspersky, em todo o mundo invasões desse tipo cresceram 20.000%. Brasil é o quinto país mais atacado. 

Ataques de phising crescem 600% na AL. Netflix é o alvo dos hackers

Campanha em nome da OTT se distribui por meio de um e-mail com o assunto "Alerta de notificação". A mensagem informa sobre uma suposta dívida acumulada em nome da vítima que pode levar à suspensão do serviço caso não sejam tomadas medidas rápidas.

Brasil sofreu mais de 2,6 bilhões de ataques cibernéticos no 1º semestre

Configuração incorreta de servidores é o principal responsável pela maior parte das tentativas de invasão, reporta estudo da Fortinet. Cai o número de tentativas de golpes usando a Covid-19.



  • Copyright © 2005-2020 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G