Home - Convergência Digital

Oi, com Google, quer dar novo fôlego ao SMS corporativo

Convergência Digital - 26/07/2019

A Oi, está levando a plataforma Rich Communication Services (RCS) para o mercado corporativo, através do RCS Business Messaging (RBM). A tecnologia aprimora a experiência comercial oferecida através do SMS e permite que as marcas enviem mensagens mais diretas e interativas, possibilitando relacionamento transparente e seguro na comunicação com seus clientes para a realização de vendas, comunicação de serviços, atendimento, pesquisa, entre outras funcionalidades. Exclusivo para o ecossistema Android, o lançamento do RBM para grandes empresas é uma parceria entre a operadora e o Google, e também com as integradoras Infobip e Movile.

Utilizando a rede de solução de mensageria RCS, via rede móvel ou WiFi, o RBM oferece recursos multimídia mais completos e modernos para as empresas, como criar mensagens com a identidade visual da marca através de imagens, GIFs, vídeos, áudio, QR Codes, e ainda outros recursos relevantes, como selo de verificação para evitar fraudes e relatório de envio e leitura.

A aplicação também viabiliza o uso de botões para realização de chamadas, mapas, agendamento e a compra de produtos e serviços, proporcionando praticidade aos clientes e um novo canal de vendas para as empresas rentabilizarem os seus negócios. Segundo pesquisa da GSMA Intelligence, cerca de 86% dos smartphones serão habilitados para a aplicação até 2020. Para utilizar o RBM, o usuário tem que ter um smartphone Android e o aplicativo híbrido de SMS/RCS chamado Mensagens, desenvolvido pelo Google, e disponível na Google Play.

“No início do ano, realizamos a primeira campanha por RCS no Brasil para os nossos clientes do varejo e constatamos que os resultados foram muito melhores que por SMS. Tivemos uma conversão 8 vezes melhor na migração de clientes pré-pagos para planos controle em comparação ao envio do SMS. Com o RBM, estamos iniciando testes em algumas empresas como companhias aéreas e instituições financeiras e estamos com expectativa de   resultados muito positivos. Oferecemos uma evolução na maneira das empresas se comunicarem com os seus clientes trazendo inclusive novas receitas” diz Rodrigo Shimizu, diretor de Marketing Corporativo da Oi.

 

Enviar por e-mail   ...   Versão para impressão:
 

LEIA TAMBÉM:

12/08/2020
Destino da Recuperação Judicial da Oi será decidido no dia 08 de setembro

11/08/2020
Anatel: 'O melhor é Oi e AGU fecharem um acordo antes da Assembleia de Credores'

10/08/2020
Oi monta combo de banda larga, telefonia e ERP atenta às PMES

07/08/2020
Oi tira Highline e dá exclusividade à Claro, TIM e Vivo pela Oi Móvel

07/08/2020
STJ descarta preferência à Anatel para receber dívida da Oi

06/08/2020
Oi repudia ilação à sua atuação e diz que Assembleia de Credores é soberana

31/07/2020
Oi: "É esperado que Anatel cumpra seus ritos e protocolos"

31/07/2020
Anatel manifesta objeção contra o aditamento da recuperação judicial da Oi

31/07/2020
Oi quer corte de dívida com Anatel por desequilíbrio na concessão

28/07/2020
Oi reafirma acordo com a Highline, mas assume estudar nova proposta das teles

Destaques
Destaques

Venda de smartphones piratas dispara 135% no 1ºtri no Brasil

Tombo no primeiro trimestre foi de 8,7% - e chegou a 22,4% entre os aparelhos mais simples. Alta do dólar e a falta de componentes impactaram a venda dos dispositivos no país.

Tempo é um luxo que o Brasil não tem para fazer o 5G

Pesquisa da Omdia, ex-Ovum, em parceria com a Nokia, mostra que, nos próximos 15 anos, o 5G vai gerar R$ 5,5 trilhões para o País, sendo o governo beneficiado com o adicional de quase R$ 1 bilhão em receita com os serviços 5G.

Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV
Veja mais artigos
Veja mais artigos

Uma escolha de Sofia no leilão de 5G

Por Juarez Quadros do Nascimento*

Em um país democrático, como o Brasil, sem análise estratégica, não daria para arriscar em dispor, comercial e tecnologicamente, de “uma cortina de ferro ou uma grande muralha” para restringir fornecedores no mercado de telecomunicações.


Copyright © 2005-2020 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site