Home - Convergência Digital

STF desobriga empresas de TI de São Paulo do desconto da contribuição sindical

Luís Osvaldo Grossmann - 30/09/2019

O Supremo Tribunal Federal deu ganho à um pleito da Associação Brasileira das Empresas de Tecnologia da Informação e Comunicação -Brasscom e estendeu para as associadas da entidade o direito de não procederem o desconto da contribuição sindical dos trabalhadores na folha de pagamento. Na decisão, o ministro Ricardo Lewandowsky reconheceu entendimento anterior dele mesmo sobre a matéria e atendeu a associação de empresas de TI. 

“Bem examinados os autos, verifico que o pedido liminar desta reclamação já foi integralmente decidido nos autos da Rcl 36.933/SP, de minha relatoria, na qual deferi o pleito cautelar para suspender os efeitos das cláusulas 59, 60 e 82 homologadas pela sentença normativa reclamada, proferida nos autos do Dissídio Coletivo 1000550-35.2019.5.02.0000, em trâmite no TRT2”, discorreu o ministro do STF.  

A Reclamação da Brasscom foi movida contra um Acórdão do Tribunal Regional do Trabalho de São Paulo, que decidiu serem válidas as cláusulas que autorizam o desconto em folha quando votadas em assembleia dos trabalhadores. A queixa se baseia em que a reforma trabalhista passou a exigir autorização individual e expressa de cada empregado para que seja procedido o desconto em folha. 

A entidade tem uma outra ação, esta de âmbito nacional, que pede para que o Judiciário unifique o entendimento dessa mesma questão do desconto em folha em âmbito nacional. Mas no caso da Reclamação que teve decisão favorável, ela questiona especificamente o Acórdão do TRT2 e, portanto, tem validade circunscrita ao estado de São Paulo. 

Enviar por e-mail   ...   Versão para impressão:
 

LEIA TAMBÉM:

05/10/2020
STF: Leis estaduais que exigem cadastro de compradores de celular são inconstitucionais

01/10/2020
STF tira de pauta julgamento do Direito ao Esquecimento

30/09/2020
Em disputa entre Vivo e Rio Grande do Sul, STF decide que celular em comodato paga ICMS

28/09/2020
Plenário do STF começa a julgar ‘Direito ao Esquecimento’

23/09/2020
Empate suspende decisão do STF sobre desbloqueio de celular em 24 horas

28/08/2020
Presidência, Senado, AGU e Minicom rejeitam tese da PGR contra direito de passagem

20/08/2020
PGR é contra suspensão do bloqueio de perfis bolsonaristas nas redes sociais

31/07/2020
Twitter e Facebook rejeitam ordem do STF de punição mundial

31/07/2020
STF determina bloqueio mundial de contas em redes sociais de apoiadores de Bolsonaro

27/07/2020
STF avança na transformação para ser 100% digital

Desafio nacional: identificar os dados efetivamente valiosos ao negócio

Pesquisa da IDC mostra que quase a metade companhias pesquisadas no Brasil admitiu ter dificuldade para encontrar talentos e recursos responsáveis pelas análises das informações.

Veja mais artigos
Veja mais artigos

Futuro sem aposentadoria – qual a saída?

Por luis Macedo*

O futuro financeiro nunca foi tão incerto. A aposentadoria "oficial", pelo INSS, fica cada vez mais distante para muitas pessoas, especialmente porque o mundo do trabalho mudou. Uma alternativa para uma parcela significativa da população que não tem carteira assinada são os fundos de previdência. O problema, no entanto, é a infinidade de fundos que existem.

Destaques
Destaques

Ministério Público: Teletrabalho exige direito à desconexão

Ministério Público do Trabalho elaborou uma nota técnica direcionada para as “empresas, sindicatos e órgãos da administração pública”.  Na orientação, sugere a adoção de etiqueta digital para orientação de patrões e empregados.

Dos 10% em teletrabalho no Brasil, maioria é branca, tem diploma e maior renda

Segundo o Dieese, 8,4 milhões de brasileiros trabalham de casa por conta da pandemia de Covid-19. Proporção chega a 22% dos trabalhadores em Brasília, mas não passa de 3% no Pará. 

Um em cada cinco servidores públicos será substituído por robô no Brasil

A Escola Nacional de Administração Pública estima que, por conta da Transformação Digital, a automação deverá substituir cerca de 100 mil postos de trabalho no Serviço Público Federal nos próximos cinco a 10 anos, sendo que a metade deles terá menos de 50 anos.

Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV

Copyright © 2005-2015 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site