Home - Convergência Digital

Campina Grande, na Paraíba, recebe laboratório de 5G

Convergência Digital* - 17/10/2019

A TIM, em parceria com o VIRTUS (Núcleo de Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação em Tecnologia da Informação, Comunicação e Automação) da Universidade Federal de Campina Grande (UFCG) e a Nokia, anunciou nesta quinta-feira, 17/10, a ativação do primeiro TIM 5G Living Lab do Nordeste. O projeto utiliza a nova tecnologia em rede real da operadora, conforme licença específica da Anatel. A cidade de Campina Grande (PB) foi a escolhida para abrigar o novo laboratório, o terceiro no Brasil, e que tem como foco a criação de soluções e inovação tecnológica em projetos de pesquisa e desenvolvimento nas áreas de software e automação.

“Com a ativação do terceiro projeto TIM 5G Living Lab, a operadora reitera seu compromisso com o Brasil para o desenvolvimento de aplicações, produtos e serviços de forma a promover desde já a tecnologia e novos modelos de negócios que melhorem a vida das pessoas e impulsionem o desenvolvimento do país frente ao cenário internacional”, afirma Janilson Bezerra, Head de Innovation & Business Development da TIM Brasil.

Para liderar um ecossistema favorável ao 5G no Brasil, a TIM optou por atuar no engajamento de empresas de tecnologias, fundações e instituições de pesquisas e ambientes empreendedores para o desenvolvimento de aplicações, produtos e soluções. As aplicações em rede de quinta geração dependerão de tecnologias especificas, como o Mobile Edge Computing (MEC), para viabilizar as altas taxas de transmissão de dados e a baixa latência. E, para isso, as competências na área de programação desenvolvidas no ambiente universitário serão cada vez mais relevantes na formação dos profissionais.

O VIRTUS e o ecossistema de PD&I junto ao Centro de Engenharia Elétrica e Informática da UFCG vêm desenvolvendo parcerias com empresas de diferentes setores há mais de 15 anos. A missão do VIRTUS é criar novas opções de futuro por meio de projetos de pesquisa, desenvolvimento e inovação tecnológica com parceiros da indústria, nas mais diversas áreas de tecnologia da informação, comunicação e automação. Em parceria com a Nokia, o VIRTUS vem atuando em soluções na área de computação na borda e IoT, com foco em diferentes domínios de aplicação, como educação e segurança. A partir dessa experiência, o próximo passo natural foi a integração com redes de alta velocidade através do TIM 5G Living Lab.

“A implantação do 5G Living Lab aqui em Campina Grande destaca novamente o pioneirismo da UFCG no desenvolvimento tecnológico regional. Com toda a experiência adquirida em projetos de PD&I no VIRTUS com diferentes parceiros da indústria, esperamos que esse novo lab se torne um vetor de soluções inovadoras, além de potencializar o desenvolvimento científico e tecnológico regional, com impacto nacional e internacional”, Danilo F. S. Santos, Presidente do Conselho Deliberativo do VIRTUS/UFCG.

“A tecnologia 5G trará casos de uso inovadores tanto em aplicações para indústrias quanto para consumidores finais. Ao aliar ultrabaixa latência, velocidade e alta capacidade, o 5G possibilitará uma série de benefícios para diferentes mercados respondendo a desafios de produtividade, segurança e disponibilidade de rede. A parceria TIM, Núcleo Virtus e Nokia vem para liderar essa implementação no Nordeste e reforçar o compromisso das empresas na rápida adoção desta tecnologia”, reforça Wilson Cardoso, Chief Solutions Officer da Nokia para a América Latina.

Enviar por e-mail   ...   Versão para impressão:
 

LEIA TAMBÉM:

22/09/2020
Economia prefere, mas não garante, leilão 5G não arrecadatório

22/09/2020
Para TIM, 5G não comporta neutralidade de rede

22/09/2020
Anatel: Crise afetou condições e preço do edital do 5G

22/09/2020
Vitor Menezes, Minicom: Vamos brigar por um leilão 5G não arrecadatório

21/09/2020
TIM avança na base da Claro e da Vivo em São Paulo

21/09/2020
Comissão Europeia pede ações urgentes para ter 5G o quanto antes

17/09/2020
Telcomp vai ao STF contra leis que impedem antenas a 50 metros de residências em São Paulo

16/09/2020
Vale vai investir em laboratório 5G

15/09/2020
5G vai atrasar se teles tiverem que pagar limpeza da Banda C

10/09/2020
Minicom: Governo Bolsonaro não vai intervir na venda dos ativos da Oi

Destaques
Destaques

Claro: Sem antenas, São Paulo fica fora do 5G

CEO da Claro, Paulo Cesar Teixeira, criticou a miopia de executivos que ainda insistem em colocar restrições à implantação de antenas, como acontece na cidade de São Paulo. "5G é a grande plataforma para permitir um salto econômico mais vigoroso", advertiu.

Covid-19 não é desculpa e Brasil perde dinheiro e status ao atrasar o 5G

O mundo não vai esperar o Brasil resolver seus problemas e o 5G está acontecendo, advertiu o consultor sênior da Omdia, Ari Lopes. Governo terá de decidir se busca investimentos de longo prazo ou de curto prazo. Omdia prevê um impacto de US$ 1,1 trilhão no Brasil de 2021 a 2025.

Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV
Veja mais artigos
Veja mais artigos

Internet 5G traz disrupção para Telecomunicações até no modelo de negócio

Por Eduardo Grizendi*

Na RNP, estabelecemos um objetivo estratégico ambicioso – o de prover uma ciberinfraestrutura, segura, de alto desempenho e disponibilidade e, ao mesmo tempo, ubíqua, onipresente, em qualquer lugar e a qualquer hora, para nossas comunidades de educação, pesquisa e inovação.


Copyright © 2005-2020 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site