SEGURANÇA

TRT-PR nega ataque hacker e responsabiliza software de storage da Huawei

Luís Osvaldo Grossmann ... 09/12/2019 ... Convergência Digital

ATUALIZADA -O Tribunal Regional do Trabalho do Paraná divulgou nesta segunda, 9/12, uma nota técnica sobre a pane no sistema de processo judicial eletrônico (PJe), que paralisou as atividades entre os dias 2 e 8 deste dezembro. Segundo o TRT-PR, a paralisação do PJe “teve origem em um problema no software de gerenciamento de storage Huawei modelo Dorado 6000 V3, comprado há um ano.

Em nota oficial encaminhada ao Convergência Digital, a "Huawei Brasil informa que mobilizou os times responsáveis assim que tomou ciência do ocorrido e a situação já foi resolvida. A companhia esclarece que nenhum dado ou informação foi perdida e o sistema está funcionando normalmente. É importante ressaltar que esse sistema é utilizado em todo o país por diversos clientes e nenhum problema similar foi registrado. O time de serviços da Huawei continua trabalhando junto ao TRT-PR para concluir o caso."

Ao explicar a pane, o Tribunal descartou que tenha havido invasão maliciosa. “A paralisação ocorrida, portanto, não teve origem em invasão dos sistemas deste TRT ou problema do próprio PJe”, conclui a nota. Ainda de acordo com o TRT, a empresa deslocou equipe da China para o Brasil e aplicou correção do problema “até então desconhecido pela fabricante. 

“Tal providência, no entanto, não foi capaz de restaurar os dados afetados, naquele equipamento, pelo sinistro”, informa o Tribunal. Ainda assim, “a totalidade dos dados do PJe estava devidamente preservada em arquivos de backup, que foram recuperados e disponibilizados em infraestrutura diversa, o que permitiu o retorno do sistema às 0h de hoje (9/12), sem perda de qualquer dado ou documento.”

A previsão do TRT é manter o PJe rodando nessa infraestrutura alternativa até o recesso forense, que começa em 20/12. “Tal providência permitirá a segura aferição das funcionalidade dos storage Huawei Dorado 6000 V3 antes da retomada de sua utilização como guardiã do repositório principal de dados do PJe.”


Consciência é a maior vacina contra os riscos cibernéticos

Em tempos de home office por conta do coronavírus, o gerente de segurança do CAIS/RNP, Edilson Lima, diz que cabe ao usuário redobrar seu cuidado. "Cada um tem de fazer sua parte", afirma.

Cibercrime usa Coronavírus para roubar dados pessoais no WhatsApp

Golpe oferece suposto kit gratuito com máscara e álcool gel - a ser dado pelo Governo Federal - para atrair as pessoas mais nervosas em relação à pandemia.

RNP terá programa para formar profissionais em Segurança Cibernética

O diretor da área na Rede Nacional de Pesquisa, Emilio Nakamura, assegura que a intenção é 'acelerar a formação de novos profissionais não apenas na Academia, mas também na inovação aberta'.

GSI: Educar o cidadão é o pilar da estratégia de segurança cibernética

Gabinete de Segurança Institucional da Presidência da República troca de marca - sai o cadeado e entra uma chave - para mostrar ao brasileiro que ações próativas são essenciais. "Não podemos atuar apenas como bombeiros nos ataques cibernéticos", afirma Ulisses Peixoto.



  • Copyright © 2005-2020 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G