NEGÓCIOS

Governo dos EUA barra exportação de chips da Intel para a China

Da redação* ... 10/04/2015 ... Convergência Digital

O governo dos Estados Unidos recusou a licença pedida pela Intel para vender à China dezenas de milhares de chips para atualização do computador Tianhe-2 (Via Láctea 2) – que há cerca de dois anos é considerado o melhor supercomputador do planeta.

Valendo-se de argumentos de segurança nacional, o Departamento de Comércio dos EUA recusou os pedidos da Intel para exportar chips ao Tiahne-2 e outros três supercomputadores chineses sob alegação de que eles são usados em “explosivos nucleares”. Pelas normas americanas, isso pode envolver projeto, desenvolvimento ou fabricação de armas nucleares.

A Top 500, que monitora os supercomputadores (top500.org), pôs no topo de sua lista de sistemas de melhor performance o Via Láctea 2, da Universidade Nacional de Tecnologia de Defesa da China. Para chegar a 33 petaflops – ou seja, 33 quatrilhões de cálculos por segundo – o supercomputador usa 80 mil chips Intel Xeon.

Quase ao mesmo tempo, a mesma Intel assinou um contrato de US$ 200 milhões Departamento de Energia americano para construir um supercomputador chamado Aurora, que quando estiver pronto, em 2019, deverá atingir o pico de capacidade de 180 petaflops.

* Da BBC


Cloud Computing
Mercedes-Benz adota Nutanix para orquestrar o uso da nuvem

Além de reduzir custos, a adoção da plataforma hiperconvergente permitiu que as atualizações das aplicações acontecessem muito mais rápido, conta o analista de infraestrutura da Mercedes-Benz, Anibal Coral.

NVIDIA: Inteligência Artificial exige mais profissionais no Brasil

Inteligência Artificial é o mercado mais promissor para novos negócios, revela o gerente de desenvolvimento da área Enterprise da NVIDIA, Marcio Aguiar. No Brasil, a NVIDIA adota a estratégia de abrir suas APIs para o desenvolvimento e pesquisa.

Assespro Paraná será um agente de crédito para empresas de TI

Entidade poderá intermediar de R$ 20 mil a R$ 1,5 milhão. Empresas com faturamento entre R$ 360 mil a R$ 16 milhões podem se candidatar aos recursos.

Blockchain vira um vale de desilusão nas corporações

A advertência é feita pelo Gartner, uma vez que os gestores admitem que  boa parte dos projetos não consegue ir além da fase inicial de experimentação. A consultoria elenca sete erros cometidos pelas empresas, entre eles acreditar que exista um padrão de interoperabilidade e que a tecnologia está pronta para o uso.

Startup une blockchain e IA para dar o compliance exigido na LGPD

A gaúcha Privacy Tools, criada pelo grupo Maven, busca investidores para ganhar musculatura para atender às corporações em todo o País. "Os ajustes dos sistemas por conta da lei são obrigatórios e falta menos de um ano", afirma Aline Deparis.


3º Seminário Brasscom de Políticas Públicas & Negócios 2018 - Cobertura Especial Convergência Digital
Brasscom lança manifesto para construir um Brasil Digital e Conectado

Entidade quer a colaboração da sociedade e de entidades de TI ou não para entregar um documento aos presidenciáveis. "Tecnologia precisa ser prioridade nacional", diz o presidente-executivo da Brasscom, Sergio Paulo Gallindo.


Veja a cobertura da 3º Seminário Brasscom de Políticas Públicas & Negócios 2018

  • Copyright © 2005-2019 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G