Home - Convergência Digital

Teles e empresas de TI defendem aprovação da reforma trabalhista

Convergência Digital - Carreira
Convergência Digital - 14/06/2017

Entidades que representam as operadoras de telecomunicações, empresas de TI e de terceirização de instaladores voltaram a defender, em nota divulgada nesta quarta, 14/6, a aprovação do projeto de lei que altera a legislação trabalhista, já aprovado pela Câmara e que no Senado tramita como PLC 38/17. 

Segundo as entidades patronais, a aprovação em nova lei “provocará o aumento da produção, com ganhos de produtividade e aumento de investimentos na economia real”, o que trará “postos de trabalho qualificados”.

“As empresas e trabalhadores dos setores de informática e telecomunicações, por suas características de inovação e elevada atualização tecnológica, são parte de um ecossistema que precisa dessa modernização das relações do trabalho”, diz a nota, a seguir na íntegra: 

A Federação Brasileira de Telecomunicações (Febratel), a Federação Nacional das Empresas de Informática (Fenainfo) e a Federação Nacional de Instalação e Manutenção de Infraestrutura de Redes de Telecomunicações e de Informática (Feninfra) vêm a público ressaltar a importância de se aprovar no Congresso Nacional o projeto de lei da reforma trabalhista (PLC 38/17), em tramitação no Senado Federal.

As três Federações representam cerca de 80 mil empresas que empregam mais de 2 milhões de trabalhadores qualificados. São setores essenciais para a produção e distribuição da riqueza nacional na moderna economia digital, que produzem R$ 400 bilhões por ano, valor equivalente a cerca de 6,5% do PIB.

A modernização das relações de trabalho proposta no PLC 38/17 provocará o aumento da produção, com ganhos de produtividade e aumento de investimentos na economia real. Isso resultará, consequentemente, em geração de postos de trabalho qualificados e aumento da utilização de seus serviços por toda a sociedade.

As empresas e trabalhadores dos setores de informática e telecomunicações, por suas características de inovação e elevada atualização tecnológica, são parte de um ecossistema que precisa dessa modernização das relações do trabalho.

As federações - Febratel, Fenainfo e Feninfra - esperam que o projeto de lei da reforma trabalhista seja aprovado no Senado, visando à retomada do processo de desenvolvimento nacional e de modernização, essencial para acelerar a massificação do acesso a conteúdos e serviços digitais em escala global pelos brasileiros.

Enviar por e-mail   ...   Versão para impressão:
 

LEIA TAMBÉM:

21/06/2017
CCT do Senado aprova reconhecimento de marca de “alto renome” pelo INPI

20/06/2017
Relator da MP 774 mantém desoneração da folha para TI e call center

20/06/2017
Governo perde e reforma trabalhista é rejeitada em comissão do Senado

14/06/2017
Teles e empresas de TI defendem aprovação da reforma trabalhista

13/06/2017
Defesa do Consumidor aprova projeto que proíbe franquia na internet fixa

09/06/2017
Teles e fabricantes trocam farpas por bloqueio de celulares

02/06/2017
Kassab diz que lei que veda contingenciamento pode sair ainda em 2017

31/05/2017
Sem consenso, Congresso adia indicações para Conselho de Comunicação Social

31/05/2017
Câmara cria comissão especial para regular moedas virtuais

26/05/2017
Comissão aprova punição para provedores que não fornecerem informações sobre crimes contra crianças

Veja mais artigos
Veja mais artigos

Quatro lições para dar coragem e autonomia às pessoas

Por Amanda Matos Cavalcante*

As pessoas são os principais e mais importantes ativos de uma corporação.

Destaques
Destaques

Cientista de dados pode ganhar até R$ 45 mil numa grande empresa no Brasil

Remuneração fica acima até de um diretor geral de uma empresa de hardware de grande porte, estimado, em média, em R$ 27,5 mil, de acordo com levantamento feito pela Michael Page. TI foi uma das áreas menos afetadas pela instabilidade política e econômica no quesito salarial.

Desenvolvedores em TI sofrem com as vagas fechadas

Mercado nacional se ressente da falta de especialistas em Java e nos sistemas móveis.

Trabalhadores de TI em SP vão ter reposição da inflação mais abono de 10%

Conforme antecipado pelo portal Convergência Digital, Proposta de conciliação judicial do TRT foi aceita pelos trabalhadores. Campanha salarial assegurou um ganho financeiro de 7,05% sobre o salário mensal da categoria.

Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV

Copyright © 2005-2015 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site