INCLUSÃO DIGITAL

Oi: Quase 60% dos domicílios da nossa região não têm banda larga

Ana Paula Lobo e Pedro Costa ... 24/07/2017 ... Convergência Digital

A indústria de Telecomunicações fez um um bom trabalho na telefonia fixa e na telefonia móvel,muito porque existe uma competição saudável entre as operadoras, mas ainda pode fazer muito mais na banda larga, admitiu o presidente da Oi, Marco Schroeder. Ao participar do Workshop sobre os 20 anos de privatização do setor de Telecomunicações, na FIESP, realizado na última sexta-feira, 21/07, o executivo admitiu que 60% dos domicílios da região da Oi não têm banda larga.

"Isso gera uma grande oportunidade de negócios. Uma questão é a Paulista, que eu estou atuando, como a Telefônica está atuando em Ipanema. Mas quem é que vai nos municípios pobres que hoje não têm como fazer? Banda larga precisa ser vista como um fomento de desenvolvimento social", pontuou ainda o executivo.

Ele reclamou de o fato de o setor ser extremamente tributado e de a maior parte dos recursos arrecadados não voltar para o setor. "Não estamos pedindo mais para diminuir imposto, mas para não aumentar", salientou. Schroeder também falou sobre os bens reversíveis. "Se eles valem RF$ 100 bi, não valem, mas eu vou vender". Assistam.


TICs em Foco - TRANSFORMAÇÃO DIGITAL
Prever. Prevenir. Detectar e Responder

Essas são a exigência da remodelagem da gestão de riscos e da segurança organizacional nas corporações.

Palotina, no PR, investe em TIC para se transformar em cidade inteligente

Com pouco mais de 35 mil habitantes, a localidade está em processo de informatização da gestão pública e busca alternativa de investimentos para expandir a oferta de banda larga.

Oi: Quase 60% dos domicílios da nossa região não têm banda larga

Ao falar sobre a nova lei geral de Telecom e bens reversíveis, o presidente da Oi, Marco Schroeder, diz que se 'os bens reversíveis valem R$ 100 bi, e não valem, eu vou vender a minha parte".

450MHz: Relator propõe dois anos para que teles troquem satélite por rede na área rural

Conselheiro da Anatel, Otávio Rodrigues, entende que as dificuldades não impediam o uso da faixa de 450 MHz e que o uso de soluções por satélite constituem descumprimento ao edital do primeiro leilão 4G, de 2012.

Em São Paulo, 99,6% dos domicílios já assistem TV Digital

Para quem coordena a transição digital, números são evidência de que os brasileiros rapidamente se adaptam ao fim das transmissões analógicas. 

AGU diz no STF que Telebras pode vender capacidade do satélite a terceiros

Para a Advocacia Geral da União, estatal reservou parte da capacidade para atender o PNBL e o restante será oferecido ao mercado de forma isonômica. “Cessão não tira responsabilidade da Telebras gerir o sistema”, sustenta.

Plano nacional de Conectividade, o ex-PNBL, não acontece sem dinheiro privado

Secretário do MCTIC, André Borges, sinaliza que o projeto será detalhado ao mercado até o final de junho, mas adverte: "O PL 79 precisa ser aprovado. Ele é o estímulo de investimento."



  • Copyright © 2005-2017 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G