Home - Convergência Digital

Escolas de Engenharia têm currículos pífios de Ciência da Computação

Convergência Digital - Carreira
Ana Paula Lobo e Pedro Costa - 31/07/2017

A TI brasileira precisa investir mais na sofisticação tecnológica para se adequar à era da digitalização, e a virada passa por uma reformulação no modelo educacional nas universidades de Engenharia, salientou o diretor de Inovação da FINEP, Márcio Girão, que participou do Paraná TIC, evento realizado de 26 a 28 de julho, em Foz do Iguaçu, no Paraná, e organizado pela Assespro Paraná.

"Os currículos das escolas de engenharia são pífios no ensino da engenharia da computação. Hoje a maioria ensina apenas noções básicas de programação. É preciso investir no conceito da Ciência da Computação como um dos pilares da ciência nacional", preconizou Girão. Assistam à entrevista com o diretor de Inovação da FINEP, Márcio Girão.

Enviar por e-mail   ...   Versão para impressão:
 

LEIA TAMBÉM:

27/09/2017
Rio de Janeiro quer ser referência global em Ciência de Dados e Inteligência Artificial

26/09/2017
Profissional do futuro é um análogo do canivete suíço

22/09/2017
Lei trabalhista: terceirização da mão de obra segue como prática ilícita

21/09/2017
Reforma trabalhista: Pejotização é crime e continuará sendo punida como fraude

19/09/2017
MP vai desestabilizar a adoção da nova Lei Trabalhista

12/09/2017
Na escassez de talentos em TI, saber programar é o primeiro passo

07/08/2017
Itaipu Binacional avança no uso da nuvem e disciplina rotina de TI

02/08/2017
Sétima edição do Paraná TIC acontecerá nos dias 1 e 2 de agosto de 2018

02/08/2017
Cultura do assistencialismo emperra o avanço da inovação no Brasil

02/08/2017
Hackathon Trinacional: time vencedor quer construir software para fazer a diferença

Veja mais artigos
Veja mais artigos

Quatro lições para dar coragem e autonomia às pessoas

Por Amanda Matos Cavalcante*

As pessoas são os principais e mais importantes ativos de uma corporação.

Destaques
Destaques

Profissional do futuro é um análogo do canivete suíço

Esse especialista terá de reunir capacidades polivalentes, diz o consultor Marcos Semola. O especialista também decreta: O RH que pensa na caixinha está morto.

Reforma trabalhista: Não haverá contrato novo ou velho

“Se não, muitos empresários poderiam dispensar os trabalhadores da ‘lei velha’ e contratar outros com contrato novo, pela ‘lei nova’. Para não haver esse perigo, a lei aplica-se a todos os contratos em vigor no Brasil”, explica o Juiz do Trabalho, Marlos Melek.

BI, big data e cientista de dados: salários entre R$ 12 mil a R$ 30 mil no Brasil

Pesquisa revela que corporações brasileiras buscam especialistas nessas áreas para conduzir seus negócios.

Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV

Copyright © 2005-2015 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site