GESTÃO

Amizade no Facebook não desqualifica testemunha em ação trabalhista

Convergência Digital* ... 08/08/2017 ... Convergência Digital

A Justiça do Trabalho de Minas Gerais descartou a ideia de que amizades no Facebook são motivo para descartar testemunhas por suspeição. “Caso o vínculo em redes sociais entre colegas de trabalho caracterizasse a existência de amizade íntima apta a configurar suspeição, não restariam pessoas a servir como testemunhas em processos trabalhistas”, diz o TRT-3.

Em processo no Tribunal, uma empresa do ramo de produção agrícola tentou caracterizar intimidade com a testemunha para descartar depoimento. Para a 4ª Turma, porém, a relação de amizade no Facebook não é suficiente para invalidar o valor probatório de um depoimento.

Segundo a relatora, desembargadora Paula Oliveira Cantello, hoje em dia as pessoas se conectam por meio de redes sociais sem haver, necessariamente, íntima conexão entre elas. “O estabelecimento de contatos entre colegas de trabalho em redes sociais na internet representa elemento cotidiano de urbanidade, tal como hodiernamente configurada”. 

Do TRT-3


Amizade no Facebook não desqualifica testemunha em ação trabalhista

Para o TRT de Minas Gerais, se vínculo em redes sociais caracterizasse suspeição não restariam testemunhas em processos trabalhistas. 

TVs de tubo e PCs de mesa viram sucata eletroeletrônica

TV digital aumentou o descarte das TVs analógicas em São Paulo. Impressoras e monitores também estão no top 5 da lista dos eletroeletrônicos jogados fora.

eSocial: empresas de TI precisam contratar seguro de responsabilidade civil

O conselho é do consultor tributarista e empresarial Lucas Ribeiro. Segundo ele, é necessário prevenir-se contra os possíveis erros do sistema do novo regime da Receita.

Banda larga não pode ser vista como custo nas prefeituras

A afirmação é do presidente da Associação dos Municípios do Paraná, Marcel Micheletto. "As prefeituras podem ser protagonistas, mas temos que ter atitude e investir em TIC", reforça.

No Governo, apenas 32% dos serviços foram 100% digitalizados

Levantamento feito pelo Ministério do Planejamento aponta que  ainda há muito por fazer no pais, uma vez que 39% dos serviços estão parcialmente digitalizados e 29% não estão disponíveis para acesso online em nenhuma das etapas.



  • Copyright © 2005-2017 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G