TELECOM

Anatel impede efeitos no Brasil da compra da Time Warner pela AT&T

Luís Osvaldo Grossmann ... 10/08/2017 ... Convergência Digital

A Anatel vai mesmo deixar para depois da avaliação do CADE seu posicionamento de mérito sobre a tentativa de compra da Time Warner pela AT&T e seus impactos no mercado brasileiro de TV por assinatura. Mas decidiu baixar uma cautelar que impede acordos, contratos ou troca de informações entre Sky, da AT&T, e o grupo Time Warner, dono de canais como HBO, TNT, Cartoon, etc. 

A Abert (Globo) e a Abratel (Record) recorreram do Acórdão 188, de 1º/6, no qual a Anatel avisou que só se manifestaria sobre a compra da Timer Warner pela AT&T depois de uma decisão do Cade. Para as entidades, isso dá margem ao risco de que, entre uma decisão e outra, as empresas adotem práticas anticoncorrenciais. “A Anatel não deve aguardar pronunciamento do Cade porque a partir daquela autorização vários atos poderão ser praticados contra a Lei do Seac até que determinadas medidas pela Anatel, quando já será ineficaz pois as empresas já poderão agir de forma ilegal e anticompetitiva.”

O relator discordou. “O Cade pode determinar remédios que afetem a operação. A análise concorrencial pode impactar o exame dos aspectos regulatórios”, sustentou Morais. Ainda assim, ele propôs a edição de uma medida cautelar pela agência, de forma a já restringir contratos, acordos e troca de informações sobre o mercado nacional de TV paga, caso haja ok do Cade para o negócio. A cautelar determina à Sky, suas controladoras, coligadas ou controladas, que até pronunciamento da Anatel acerta da operação, sob ótica do artigo 5º da Lei do Seac, está vedada a prática de qualquer ato que produza efeitos no mercado brasileiro de TV por assinatura.

A Lei do SeAC restringe a presença de teles, radiodifusores, produtoras e programadoras de TV paga em um mesmo grupo econômico, para evitar aquela mencionada verticalização de produção, programação, empacotamento e distribuição. A AT&T é dona, no Brasil, da operadora Sky. E está tentando comprar nos EUA a Time Warner, dona de vários canais, como TNT, HBO, etc. 


Internet Móvel 3G 4G
TIM quer compartilhar frequência com Claro e Vivo

Operadora quer levar para essas operadoras o acerto firmado com a Oi. Em infraestrutura, TIM prepara 4G em 700 MHz em São Paulo e já instalou 600 ERBs, revelou o CTO da tele, Leonardo Capdeville.

Anatel aprova novo regulamento para preço público de radiofrequências

Principal novidade é a possibilidade de a agência exigir compromissos de investimento como parte do valor da renovação do direito de uso do espectro.

Segurança faz Anatel antecipar bloqueio de celulares no Rio de Janeiro

Os aparelhos irregulares vão ser bloqueados a partir de 08 de dezembro, a pedido do Gabinete de Intervenção Federal no Estado. O bloqueio está implementado no Distrito Federal e no Estado de Goiás.

Disputa entre fornecedores faz Cemig Telecom adiar leilão para o dia 8 de agosto

Preço mínimo para o lote 1, que envolve a rede de banda larga nos estados de Minas Gerais, São Paulo e Rio de Janeiro foi estipulado em R$ 332 milhões.  Já manifestaram interesse público, a TIM e a Claro.

TV paga: Modelo não muda e sangria de assinantes já dura três anos e meio

Depois de um período de expansão, em 2014, com a entrada das teles no segmento, o setor encerrou o mês de maio com 17,8 milhões de assinantes, o que significa a perda de 10% da base de usuários. Claro/NET concentram 50% do mercado.

Anatel rejeita pedidos de Société e Pharol para mudanças no conselho da Oi

Seguem válidos, portanto, os nomes indicados a partir da aprovação do Plano de Recuperação Judicial, em dezembro, que constituem o Conselho de Administração Transitório da supertele.

Telefónica conduz projeto de transformação digital da Avianca

O acerto terá validade de cinco anos e inclui serviços de voz tradicional, conectividade de dados, apoio de infraestrutura (LAN/WLAN/Centro de cabos), segurança digital e soluções de redes definidas por software (SDN).


Veja a revista do 61º Painel Telebrasil 2017
Revista do 61º Painel Telebrasil 2017
A edição de 2017 do Painel Telebrasil enfatizou a necessidade de atualização do modelo de telecomunicações e a definição de uma agenda digital para o País.

Painel Telebrasil 2017 - Cobertura Especial ConvergênciaDigital


Clique aqui e acompanhe a cobertura completa do Painel Telebrasil 2017

  • Copyright © 2005-2018 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G