INOVAÇÃO

Oi investe em startups para ter 'inovação correndo nas veias'

Ana Paula Lobo e Pedro Costa ... 01/12/2017 ... Convergência Digital

A Oi ativou nesta quinta-feira, 30/11, o Oito, hub de empreendedorismo e inovação que vai funcionar em parceria com empresas de tecnologia e centros de pesquisa no Rio de Janeiro, com a seleção de 18 projetos para passar por um curto período de avaliação, já trabalhando no espaço Oito sob a supervisão do Instituto Gênesis e do time Oi. Os seis que forem melhor avaliados nesse período receberão aporte de R$ 150 mil cada para se instalar no Oito e desenvolver seu negócio ao longo de 2018.

A iniciativa mobilizou o mercado de startups nacional e chamou a atenção até no exterior. Foram apresentados 500 projetos de 23 estados e três de outros países - EUA,França e Chile. Dos 18 escolhidos para o período de pré-incubação em dezembro, metade é do Rio de Janeiro. Os demais são de São Paulo (3), Minas Gerais (2), Distrito federal (1), Paraná (1), Rio Grande do Sul (1) e Santa Catarina (1). Os projetos selecionados têm o intuito de desenvolvver soluções em áreas como Internet das Coisas, Smart Cities, Serviços de Saúde, Serviços Educacionais, Digital Advertising e Soluções de Eficiência e Produtividade.

Em entrevista à CDTV, do portal Convergência Digital, o diretor de Estratégia e Novos Negócios da Oi, Nuno Cadima, diz que o Oito é uma iniciativa estruturada da Oi em relação à Inovação. "O Oito é colocar a Inovação na agenda recorrente da companhia. Esse espaço nos permite trazer a Inovação para dentro da Oi e a Oi para dentro do Oito. Vamos fazer com que a inovação que corre nas veias das startups também corra dentro da companhia", observou. Assistam a entrevista com Nuno Cadima, da Oi.

A Oi é a fundadora do Oito, mas o espaço vai funcionar no modelo de parceria e construção de rede com outras empresas e instituições. Entre os parceiros estão Nokia, IBM, Oracle, Amazon Web Services, CPqD, Instituto Nacional de Telecomunicações (Inatel), Senai, escritório Montaury Pimenta, Machado & Vieira Mello, Oi Futuro e Yunus Negócios Sociais Brasil.

O Oito também terá espaço para empresas residentes, que dividirão o espaço de coworking com as selecionadas. Serão startups mais maduras, que vão se beneficiar da troca de experiências proporcionada pelo Oito e alugarão as posições de trabalho a valores subsidiados, abaixo da média do mercado. Elas também serão selecionadas a partir de propostas enviadas pelo site www.oito.net.br.

A área de coworking do Oito abrigará um andar com 78 posições de trabalho: 68 para empresas selecionadas, residentes e negócios sociais e mais dez assentos para convidados, que poderão ser ocupados de forma rotativa.

Conheça os projetos selecionados para a avaliação ao longo de dezembro.

1.Allugator (MG): Plataforma de aluguel de produtos diversos. 2.Banco Maré (RJ). Solução de pagamento para o público não bancarizado. 3.Cíngulo (RS): Aplicativo de suporte/desenvolvimento emocional e agendamento de consultas psicológicas. 4.Easyglic (DF): Relógio de monitoramento de hipoglicemia. 5.Energy2go (RJ): Solução de aluguel de baterias portáteis para recarga de celulares. 6.Entropia (RJ): Plataforma de soluções de saúde para pré-diagnóstico, indicação de médicos usando blockchain e inteligência artificial. 7.ePHealth (SC): Aplicativo de suporte ao trabalho dos Agentes de Saúde Comunitários. 8.Everywhere Analitics (PR): Solução de contagem de tráfego de pessoas via Wi-Fi. 9.Farmaki (RJ): Comparador de preços de medicamentos. 10.Field Control (SP): Solução de controle de força de campo. 11.Gamer Trials (RJ): Plataforma de testes de games. 12.Genesis Training (RJ): Plataforma de padronização de treinamentos para franquias de futebol. 13.DEMONL (RJ): Solução de proteção de ativos com "barreira elétrica" inovadora. 14.JUSTTO (SP): Solução de mediação de acordos judiciais. 15.Legal Cloud (RJ): Solução de controle de prazos legais. 16.NEARBEE (MG): Botão de pânico via bluetooth aliado à rede de pronto atendimento colaborativo e relógio de rastreamento infantil. 17.Power Drones (SP): Solução de video-inspeção automatizado feito através de drones. 18.Top2You (RJ): Plataforma de coaching com executivos de mercado. Negócios sociais selecionados pelo Labora (Oi Futuro) 19.818 Energia Solar (RJ): Democratização do acesso à energia solar. 20.Diáspora Black (RJ): Empreendimento que busca articular uma rede social de viagens para usuários afrodescendentes que compartilhem interesses e referências culturais comuns.


Cloud Computing
Europa decide se dá sinal verde para a compra do GitHub pela Microsoft

Presidente da MS, Satya Nadella, para desfazer a insatisfação da comunidade ligada à plataforma, comprada por US$ 7,5 bilhões, assegurou que ela continuará aberta e lidando com todas as nuvens públicas. Decisão deverá sair até o dia 20 de outubro.

TICs em Foco - TRANSFORMAÇÃO DIGITAL
Prever. Prevenir. Detectar e Responder

Essas são a exigência da remodelagem da gestão de riscos e da segurança organizacional nas corporações.

Rio Info 2018: OBr.Global seleciona quatro startups para bolsa aceleração nos EUA

Demo Day é uma das atividades do seminário Go Global Forum, organizado pela aceleradora para debater as melhores práticas de internacionalização das startups brasileiras. O Rio Info 2018 acontece nos dias 24 e 25 de setembro, no Rio de Janeiro.

Brasil está entre os finalistas para receber o Uber Air

Empresa vai selecionar uma terceira cidade para receber o projeto. Foram selecionadas as cidades do Rio de Janeiro e o Estado de São Paulo. Também estão na disputa Austrália, Índia, Japão e França. As cidades de Dallas e Los Angeles já foram selecionadas.

Fabricar hardware é tão importante quanto fazer software para IoT

Quem apostou no hardware foi a startup pernambuca Bottom Up, que montou uma linha de produção no Recife, com capacidade para manufatura de 35 mil dispositivos e, hoje, já produz 22 mil dispositivos.

MCTIC terá bônus tecnológico de R$ 2 milhões para inovação nas PMEs

Inscrições em programa ministerial vão até o dia 02 de outubro e iniciativa tem apoio do SEBRAE. Recursos serão destinados para apoiar pesquisa, produtos e serviços na Manufatura Avançada.

Brasil tem muita pressa para democratizar a inteligência artificial

A afirmação foi feita pela presidente da Microsoft Brasil, Paula Bellizia. "A tecnologia está disponível, a questão é saber se ela vai ser usada para o bem ou para o mal", acrescentou.



  • Copyright © 2005-2018 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G