NEGÓCIOS

ABES reúne presidenciáveis para debater Brasil 2022: O futuro da Economia Digital

Convergência Digital* ... 09/08/2018 ... Convergência Digital

Quatro dos principais nomes envolvidos nas Eleições Presidenciais de 2018 - Ciro Gomes (PDT), Geraldo Alckmin (PSDB), Jair Bolsonaro (PSL); e Henrique Meirelles (MDB) - já têm agendas reservadas para participar do Seminário Brasil 2022 – "O Futuro na Economia Digital", no próximo dia 20 de agosto, em São Paulo. As inscrições para participar do debate presidenciável sobre TICs já estão abertas no site: www. abesdigital.com.br

Os candidatos à presidência da República serão convidados a apresentar e comentar o estudo "O Futuro na Economia Digital" , que lista prioridade e políticas públicas sugeridas para que o Brasil atinja sua "Independência Digital" já em 2022, ano que marca os 200 anos da Independência do Brasil. O documento, que se tornará público durante o evento, foi elaborado pelo Think Tank Brasil 2022, iniciativa que reúne nomes do mercado.

Participam do conselho do Think Tank Brasil 2022, a Dra. Deana Weikersheimer; professora da FGV e advogada com ampla atuação na área de software; Dra. Dorothea Werneck, ex-ministra da Indústria e Comércio e do Trabalho; Marcelo Pagotti, ex-secretário da SETIC no Ministério do Planejamento; Patricia Pessi, ex-diretora de Governo Eletrônico na SLTI (hoje SETIC) do Ministério de Planejamento; Rodolfo Fucher, ex-diretor de Políticas Públicas da Microsoft; e Vanda Scartezini, engenheira e conselheira da ABES. Três outros executivos da ABES colaboraram na revisão do estudo: Francisco Camargo, Presidente; Anselmo Gentile, Diretor Executivo e Manoel Antônio Dos Santos, Diretor Jurídico.

O tema do seminário e do Think Tank 2022 fazem alusão ao bicentenário da Independência do Brasil em 2022, com o mote da Independência (Digital) ou Morte (Competitiva). Cinco pontos nortearam o estudo que será conhecido, no dia 20 de agosto, em São Paulo:

 1. A Transformação Digital vai separar os países modernos do resto;

2. A Transformação Digital se faz por meio da Inovação;

3. O Software é a base da Transformação Digital;

4. As Startups são importantes no ecossistema e impulsionam a transformação;

5. Políticas públicas de fomento e tributação claras e modernas são fundamentais para que o setor de software consiga suportar as necessidades do país.

O evento é promovido pela ABES – Associação Brasileira das Empresas de Software; ACATE – Associação Catarinense das Empresas de Tecnologia; ASSESPRO – Associação das Empresas Brasileiras de Tecnologia da Informação; FENAINFO – Federação Nacional das Empresas de Informática e SOFTEX – Associação para Promoção da Excelência do Software Brasileiro. O Seminário será realizado a partir das 18:00 (horário de Brasília), na sequência da 8ª Edição do ABES Software Conference que ocorrerá das 08:00 às 18:00. Para participar do debate, acesse:www.abesdigital.com.br



 


3º Seminário Brasscom de Políticas Públicas & Negócios 2018 - Cobertura Especial Convergência Digital
Brasscom lança manifesto para construir um Brasil Digital e Conectado

Entidade quer a colaboração da sociedade e de entidades de TI ou não para entregar um documento aos presidenciáveis. "Tecnologia precisa ser prioridade nacional", diz o presidente-executivo da Brasscom, Sergio Paulo Gallindo.


Veja a cobertura da 3º Seminário Brasscom de Políticas Públicas & Negócios 2018

Empresas nacionais de software contábil se unem e criam a Joint Venture

SCI, Tron, Mastermaq, Fortes e a empresa de sistemas de gestão ERP na nuvem Omie seleram um acordo para criar a Joint Venture, que entra em operação no começo de 2019, com aporte de R$ 40 milhões.

Uber pagará R$ 500 milhões para encerrar caso de vazamento de dados de 57 milhões de usuários

Empresa vai pagar a 50 Estados norte-americanos para por um ponto final no caso, que aconteceu em 2016, mas só foi revelado no final de 2017.  Os dados de 196 mil brasileiros também vazaram. O valor acertado é o maior da história.

Demora do INPI deixa marca iPhone grátis para Apple no Brasil

Sete anos antes da fabricante americana lançar o aparelho, brasileira Gradiente pediu registro da marca no Brasil. INPI, no entanto, só concedeu o registro em 2008.

BRPhotonics: sem dinheiro, morreu o sonho de fazer chip no Brasil

Ativos da companhia foram vendidos para três empresas. Os R$ 15 milhões aportados pela FINEP não sustentaram o negócio.

TICs em Foco - TRANSFORMAÇÃO DIGITAL
Prever. Prevenir. Detectar e Responder

Essas são a exigência da remodelagem da gestão de riscos e da segurança organizacional nas corporações.



  • Copyright © 2005-2018 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G