TELECOM

Preço mínimo de exploração de satélite fica em R$ 102 mil

Luís Osvaldo Grossmann ... 01/11/2018 ... Convergência Digital

A Anatel aprovou nesta quinta, 1º/11, um novo regulamento sobre o preço público a ser cobrado pelo direito de exploração de satélite, tendo fixado o valor em R$ 102.677. No caso de licitações, esse passa a ser utilizado como valor de referência para o preço mínimo, mas sem descartar a possibilidade de adoção da metodologia pelo Valor Presente Líquido.

“Objetivo fundamental com isso é cobrança de preço público pelo direito de exploração de satélite, tanto brasileiros quanto estrangeiros, com a fixação de um preço padrão. Esse valor independe das faixas de radiofrequência envolvidas e do prazo de validade da outorga”, destacou o relator do novo regulamento, Otávio Rodrigues.

A nova norma também fixa o preço público de R$ 400 no caso de transferência de direitos de uso de satélite. E no caso especifico de outorga para órgãos públicos é previsto um desconto de 90% no valor. Atualmente, segundo a agência, há 54 satélites em órbitas sobre o Brasil, sendo 17 nacionais e 37 estrangeiros autorizados.

No caso do pagamento, é prevista a opção por parcela única ou parcelas anuais iguais, desde que cada uma delas seja superior a R$ 500. Nesses casos, deverá ter previsão expressa de correção monetária pela taxa Selic.

“Quando houver renúncia do direito de exploração, isso não libera a obrigação de adimplir as parcelas vencidas e em qualquer hipótese não gera direito a restituição. Já as parcelas a vencer não serão devidas”, indicou ainda o relator. A nova norma entra em vigor em 180 dias.


Internet Móvel 3G 4G
‘Horário nobre’ derruba velocidade da internet móvel pela metade no Brasil

Sem congestionamento, madrugada tem média de 28 Mbps no Brasil. Mas às oito da noite, quando há uma maior demanda de uso, a média  fica em 16 Mbps.  Oscilação é considerada 'normal' nas redes móveis. Alívio virá, revela estudo da Opensignal, com o desembarque do 5G.

Painel Telebrasil 2019
A 63ª edição do principal encontro institucional de lideranças do setor de telecomunicações e TICs acontecerá entre os dias 21 e 23 de maio de 2019, em Brasília. Saiba mais em paineltelebrasil.org.br
Veja o vídeo

Anatel multa Oi por segurar R$ 8 milhões da TIM por um ano

Embora as duas operadoras tenham firmado acordo entre si três anos antes do processo, agência manteve multa de R$ 3,2 milhões, por entender que o acordo financeiro firmado entre as teles não eliminava aplacava a irregularidade da retenção de recursos.

Embratel usa Banda KA para expandir banda larga fixa e IoT

Diretor Executivo da Embratel Star One, Gustavo Silbert, explica que o serviço IPSAT terá um ponto concentrador dos dispositivos de IoT para levar comunicação às áreas remotas.

Teles vão ao STF contra lei que obriga atendimento em 15 minutos

Nova ação direta de inconstitucionalidade argumenta competência federal sobre telecom para questionar a lei aprovada em São Paulo que dispõe sobre o tempo de espera nas lojas das operadoras.

EUA vai banir Huawei e sugere cortar parcerias com quem não imitar

Em visita ao leste europeu, o secretário de Estado americano, Mike Pompeo, diz que o uso de equipamentos de telecomunicações chineses “dificultam parcerias”.




  • Copyright © 2005-2019 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G