GOVERNO » Legislação

Governo extrapolou o poder ao alterar a Lei de Acesso à Informação

Luís Osvaldo Grossmann ... 05/02/2019 ... Convergência Digital

A Câmara já tem uma tentativa de evitar a mudança de interpretação na Lei de Acesso à Informação (12.527/11) que na prática ampliou a capacidade de o governo impor restrições de acesso a dados e documentos públicos. A ideia é suspender os efeitos do Decreto 9.690/19, que estendeu a servidores comissionados a competência de classificar informações como ultrassecretas.

“Isso é péssimo para o país. A Lei de Acesso à Informação tem o objetivo de garantir transparência aos dados, documentos e ações do Poder Público. O presidente está usando decretos que deveriam regulamentar para burlar a lei”, dispara o deputado federal Alessandro Molon (PSB-RJ), autor do projeto de decreto legislativo que susta os efeitos do 9.690, assinado em 23/1 pelo vice Hamilton Mourão.

Como justifica no projeto, “a Lei de Acesso à Informação restringia bastante a competência para a classificação de documentos. A classificação ultrassecreta, por exemplo, só poderia ser aposta pelo Presidente, vice, ministros de Estado, comandantes das Forças Armadas e chefes de missões diplomáticas”.

Para tentar derrubar os efeitos do Decreto 9.690, a proposta justifica que a Presidência extrapolou ao interpretar a LAI. “Com o decreto, até ocupantes de cargos em comissão poderão fazê-lo. O decreto, portanto, altera o mérito da lei sem anuência do Congresso Nacional. Fica evidente que o Poder Executivo extrapolou de seu poder regulamentar e usurpou competência do Poder Legislativo.”


Painel Telebrasil 2019
A 63ª edição do principal encontro institucional de lideranças do setor de telecomunicações e TICs acontecerá entre os dias 21 e 23 de maio de 2019, em Brasília. Saiba mais em paineltelebrasil.org.br
Veja o vídeo

Receita Federal decide cobrar IPI das impressoras 3D

Para o Fisco, a atividade de impressão em 3D caracteriza-se como uma operação de industrialização na modalidade de transformação.

Félix Mendonça Junior (PDT-BA) é o novo presidente da CCT da Câmara

Parlamentar que dar atenção especial  para a discussão da chegada do 5G no Brasil e também nas novas tecnologias, entre elas, o reconhecimento facial.

Ministério da Economia vai concentrar pagamentos ao Serpro por base do CPF

Órgãos públicos têm 12 meses para estarem todos ligados à plataforma de interoperabilidade dos dados federais, ConectaGov. Contratos com Serpro serão firmados e assumidos pela Secretaria de Governo Digital, revela ao Convergência Digital, o secretário Luis Felipe Salin Monteiro.

Dataprev registra aumento de 10% no lucro e alcança R$ 151 milhões em 2018

Segundo relatório da administração, receitas cresceram 2,9%, enquanto os custos subiram 2%. Investimentos chegaram a R$ 182 milhões. Maior parte dos recursos foi gasto em segurança da Informação e nas licenças Oracle. Governo deve quase R$ 400 mil reais à estatal.

Ex-VP de TI da Vivo assume comando da Dataprev

Christiane Edington, que ficou oito anos à frente da área de tecnologia da operadora, tomou posse na quinta, 28/2, durante reunião do conselho de administração da estatal.



  • Copyright © 2005-2019 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G