GOVERNO

Ministério da Economia: Serpro e Dataprev serão vendidas ou fechadas

Luís Osvaldo Grossmann ... 13/02/2019 ... Convergência Digital

Se o tema das privatizações abrangentes ainda causa divisões no governo Jair Bolsonaro, as divergências alcançam as estatais sob a batuta do Ministério da Economia. Segundo o secretário de desestatizações e desinvestimentos do, Salim Mattar, Serpro e Dataprev serão vendidas ou fechadas.

“Quero vender a ideia do ministro Guedes. Quero vender a ideia do presidente, que comunga dessas ideias. É uma batalha difícil”, afirmou Mattar nesta quarta, 13/2, ao participar de painel sobre o tema promovido pela revista Voto, em Brasília. “As empresas sob o nosso ministério, que são quatro, IRB, Casa da Moeda, Serpro e Dataprev, serão privatizadas, vendidas ou fechadas. Está sob a nossa autoridade.”

"Nós chamamos de estatais setoriais, aquelas de outros ministérios – Correios, EPL, aquela do trem-bala. A decisão de privatizar essas empresas é do ministro. E eu fico aporrinhando os ministros para poder privatizar. Esse é o meu papel. Sei que tenho uma grande batalha pela frente”, reconheceu o secretario, que defendeu até mesmo que o governo reduza participações em empresas já privatizadas, citando especialmente a Vale.

“A Vale é uma estatal. Os fundos de pensão, patrocinados pelo Estado, detém o controle. Estamos aqui para reprivatizar a Vale. Precisamos permitir que a iniciativa privada gire o mundo dos negócios”, insistiu Salim Mattar. Para ele, o governo deve aguardar alguns anos para que os papéis se valorizem antes.


Revista do 62º Painel Telebrasil 2018
Veja a revista do 62º Painel Telebrasil 2018 Brasil Digital: O futuro é agora - é o tema da revista do Painel Telebrasil 2018.
Edição, com 104 páginas, consolida os debates realizados no evento, que reuniu a indústria de Telecomunicações.
Clique aqui para ver outras edições

TSE discute modelo para comprar 180 mil novas urnas eletrônicas

Tribunal terá uma audiência para mostrar as especificações técnicas- hardware e software - e o modelo de aquisição dos novos equipamentos, que serão usados nas eleições municipais de 2020.

MCTIC vai cruzar dados com a Receita em novo formulário da Lei do Bem

Segundo a diretoria de apoio à inovação da pasta, foco do novo FORMP&D é a segurança. “Ideia é assegurar que quem está prestando os registros são os representantes dessas empresas”, diz a diretora Adriana Martin.

Serpro e Dataprev unificam mais de 22 milhões de contas de brasileiros

Usuários, agora, terão um único login para acessar a plataforma gov.br e as mais de 80 soluções disponíveis de governo digital, entre elas, INSS e ComprasNet. Acesso ao portal poderá ser feito por CPF, senha e certificado digital A3, que serve para pessoas físicas e jurídicas.

Operações com criptomoedas terão que ser informadas à Receita

Nova instrução normativa da Receita exige informações quando as operações com ‘criptoativos’ ultrapassarem os R$ 30 mil mensais. No valor  de mercado desta terça-feira, 07/05, um bitcoin vale US$ 5.940,00, ou R$ 23.760. Ou seja, brasileiro com 2 bitcoins terá de prestar contas com o Fisco.



  • Copyright © 2005-2019 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G