Home - Convergência Digital

5G em faixa milimétrica trará pelo menos R$ 37 bilhões ao Brasil até 2024

Convergência Digital - Carreira
Ana Paula Lobo* - 27/02/2019

O 5G terá papel relevante para a economia da América Latina e para o Brasil, revela estudo divulgado pela GSMA, durante o Mobile World Congress, que acontece essa semana em Barcelona. O levantamento aponta que o 5G traria uma receita de US$ 20,8 bilhões até 2024 com a utilização de frequências milimétricas (acima de 6 GHz).

Boa parte dos recursos seriam gerados nos setores de indústria (34%), seguido pelos setores financeiros e profissionais (28%), governos, segurança, educação e saúde (19%), TICs e serviços (14%) e mineração e agricultura (5%). O Brasil ficaria com quase metade deste montante - 10,4 bilhões de doláres, ou 47%.

O levantamento da GSMA advertiu, porém, que o custo de espectro na América Latina é três vezes maior que o cobrado nos países desenvolvidos e esse valor alto poderá vir a ser um entrave para a entrada da tecnologia na região. O México deverá ser o primeiro país a ter o 5G, seguido pelo Brasil.

Em entrevista ao portal Convergência Digital, o diretor da GSMA Brasil, Amadeu Castro, sustenta que o leilão 5G não poderá ter o viés arrecadatório no Brasil. Segundo ele, o momento é o de garantir cobertura e oferta de serviços. A GSMA também diz que é necessário definir a questão do espectro no 3,5GHz.

*Ana Paula Lobo viajou a Barcelona a convite da Huawei do Brasil

Enviar por e-mail   ...   Versão para impressão:
 

LEIA TAMBÉM:

23/05/2019
5G é o pilar da transformação digital no Brasil

22/05/2019
TIM faz testes de 5G em Florianópolis, Campina Grande e Santa Rita do Sapucaí

22/05/2019
Leilão do 5G inclui quatro faixas e será o maior da história da Anatel

22/05/2019
5G exige muito espectro para entregar tudo que se espera da tecnologia

21/05/2019
Testes de 5G indicam que será preciso mitigar 6 milhões de parabólicas

21/05/2019
Anatel: Brasil terá espectro suficiente para não ficar com falso 5G

21/05/2019
Testes de 5G indicam que será preciso mitigar 6 milhões de parabólicas

20/05/2019
Estados Unidos adiam sanções impostas à Huawei por 90 dias

20/05/2019
Vertiv: Edge computing impõe um novo jogo no negócio de data center

16/05/2019
Huawei: 'lista negra' dos EUA infringe direitos e levanta sérias questões legais

Destaques
Destaques

Com 5G, Internet das coisas entra no radar dos bancos no Brasil

Muitas instituições financeiras estão com a área de inovação trabalhando para entender como usar a Internet das Coisas em seus serviços, diz o diretor de Tecnologia da Federação Brasileira de Bancos, Febraban, Gustavo Fosse.

País ativa 2 milhões de chips 4G por mês

Primeiro trimestre do ano terminou com 136 milhões de acessos LTE ativos, ou praticamente 60% dos celulares em serviço.

Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV
Veja mais artigos
Veja mais artigos

O potencial pouco explorado da Internet das Coisas

Por Daniel Kriger*

A grande mudança que a Internet das Coisas (IoT – Internet of Things) trará para a vida das pessoas está além da facilidade de se preparar um café, programar um banho quente ou economizar na conta de luz. Dar conectividade a objetos e abrir espaço para comandos inteligentes em inúmeras tarefas do dia a dia é um dos principais propósitos de IoT. Mas não é só isso.


Copyright © 2005-2019 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site