Convergência Digital - Home

Transformação digital faz Embratel investir R$ 30 milhões em Edge Computing

Convergência Digital
Convergência Digital* - 09/04/2019

A Embratel está investindo R$ 30 milhões na construção de infraestrutura de Edge Computing em 16 pontos do País. “Vamos oferecer o que há de mais avançado em soluções de computação na borda para empresas de todos os tamanhos e segmentos com esse investimento”, afirma Mário Rachid, Diretor Executivo de Soluções Digitais da Embratel. As ofertas serão direcionadas tanto para empresas que ainda não iniciaram o processo de transformação digital, quanto para aquelas já digitalizam os seus negócios.

As soluções serão diversificadas para atender os mais variados setores, do financeiro até o de saúde, e serão lançadas ainda esse ano. A infraestrutura implementada estará presente em Pernambuco (PE), São Paulo (SP), Belo Horizonte (MG), Rio de Janeiro (RJ), Vitória (ES), Manaus (AM), Belém (PA), Brasília (DF) e Goiânia (GO). Outros pontos serão ligados na segunda fase do projeto, até o fim do ano.

O investimento está sendo alocado em Openstack, orquestrador, hardware de servidores, processamento, segurança e comunicação entre os pontos. A infraestrutura e capilaridade já existentes da Claro Brasil também serão aproveitadas. “O uso do Edge Computing beneficia negócios que precisam de serviços com baixo tempo de resposta, como o agronegócio. Nos projetos já desenvolvidos pela Embratel no segmento, o tempo de resposta na comunicação com as equipes melhorou expressivamente”, explica Rachid.

A Embratel reforçou recentemente sua estratégia para Edge Computing, ao anunciar novas áreas de processamento e armazenamento de dados para a solução Connect Cloud, serviço de Nuvem baseado em Software Defined Network (SDN) e na plataforma Openstack. Agora, empresas contam com Nuvens nas regiões Sul e Nordeste do Brasil, além do Sudeste, para alocarem e gerenciarem seus dados. Com isso, a Embratel permite às companhias manterem suas aplicações e informações cada vez mais próximas dos seus clientes finais. A Embratel foi a vencedora da licitação do governo para prover serviços de nuvem a 12 órgãos da administração pública federal.


Destaques
Destaques

Compartilhamento de dados fomenta o big data no governo federal

A TIC Governo Eletrônico 2019 mostra que ainda há muito por usar em análise de dados no governo. O MPF foi o maior utilizador dos dados para análise. O Executivo ficou com apenas 20%. Serviços na nuvem também ficam aquém do desejado.

Evite os mitos. Nuvem não é mágica nem resolve tudo

Mesmo com dados de crescimento constantes, conceitos errôneos atormentam a computação em nuvem e retardam, muitas vezes, a adoção da tecnologia. Os mitos,advertem o Gartner, são perigosos e enganosos.



Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV

Veja mais artigos
Veja mais artigos

Transformação digital exige eficiência no gerenciamento

Por Luiz Fernando Souza*

Prevenir é sempre melhor do que remediar. Essa é uma máxima que precisa ser aplicada à transformação digital, e vale quando falamos da gestão dos servidores. E as razões são simples: é menos sofrido, menos dolorido e mais barato manter uma rotina de trabalho focada na manutenção, preservando com inteligência dados e sistemas.

Jornada para a nuvem: evite as armadilhas e faça a coisa certa

Por Fábio Kuhl*

Até bem pouco tempo, a nuvem era inovação, hoje me arrisco a dizer que, em breve, uma commodity.


Copyright © 2005-2016 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site