SEGURANÇA

No Brasil, 15% dos PCs corporativos não têm proteção contra malwares

Convergência Digital ... 11/04/2019 ... Convergência Digital

O Brasil tem infecções pendentes em 19,54% dos computadores domésticos e em 14,78% dos computadores corporativos, segundo aponta a versão 2019 do  Relatório Global de Riscos para PC da empresa tcheca de softwares de segurança Avast.

O levantamento também aponta que há 7,26% dos usuários residenciais com risco serem vítimas de uma ameaça avançada. Na comparação com os usuários corporativos, o percentual de computadores de empresas brasileiras que estão sob risco de qualquer tipo de ameaça é de 14,78% e de 3,83% com risco para ameaças avançadas.

Os índices são próximos da média global para o caso dos computadores domésticos (20,09%), mas superiores no caso dos riscos para PCs corporativos, onde os 14,78% do Brasil são significativamente maiores que os 10.87% da média dos 70 países analisados pela Avast.

O estudo traz ainda o percentual de risco de ameaças para PCs por estado no Brasil. Maranhão aparece no topo com 23,94% de PCs residenciais com risco para todas as ameaças. Já Alagoas está na liderança com 9,15% de computadores domésticos sob risco de ameaças avançadas.

Com relação às empresas, à frente está o Estado do Amazonas com 20,73% com risco para qualquer tipo de ameaça em PCs corporativos e o Mato Grosso com 4,9% de chance das empresas encontrarem ameaças avançadas.

O estudo apontou, ainda, que os usuários domésticos do Windows 10 são os mais propensos a encontrar um "ataque avançado", definido como uma nova ameaça, ou seja, ainda não vista antes da mesma ser projetada para burlar tecnologias comuns de proteção de software de segurança.

É significativo uma vez que 40% dos computadores, segundo a análise, rodam o Windows 10. O Windows 7 ainda lidera (43%). Segundo os dados, usuários domésticos de computadores com Windows 7, 8 e 10 têm 20% de chance de encontrar qualquer tipo de ameaça em seus PCs.


Globo afirma que ataque hacker não 'roubou' dados de usuários

Houve duas invasões ao sistema de notificações push da Globoplay e da GShow no final de semana. O ataque teria sido conduzido por um grupo hacker da Arábia Saúdita. Segundo a Globo, 'invasores se limitaram a enviar mensagens para toda a base'.

Consciência é a maior vacina contra os riscos cibernéticos

Em tempos de home office por conta do coronavírus, o gerente de segurança do CAIS/RNP, Edilson Lima, diz que cabe ao usuário redobrar seu cuidado. "Cada um tem de fazer sua parte", afirma.

Cibercrime usa Coronavírus para roubar dados pessoais no WhatsApp

Golpe oferece suposto kit gratuito com máscara e álcool gel - a ser dado pelo Governo Federal - para atrair as pessoas mais nervosas em relação à pandemia.

RNP terá programa para formar profissionais em Segurança Cibernética

O diretor da área na Rede Nacional de Pesquisa, Emilio Nakamura, assegura que a intenção é 'acelerar a formação de novos profissionais não apenas na Academia, mas também na inovação aberta'.



  • Copyright © 2005-2020 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G