TELECOM

Telefonia fixa é bomba-relógio para o Estado, diz Anatel

Luís Osvaldo Grossmann ... 23/04/2019 ... Convergência Digital

O presidente da Anatel, Leonardo de Morais, aproveitou uma audiência pública na Comissão de Infraestrutura desta terça, 23/4, para pedir a aprovação de projetos de lei de interesse do setor de telecom. A começar pelo PLC 79/16, que muda a Lei Geral de Telecomunicações. Para Morais, o projeto delineia uma saída para 2025, quando terminam as concessões da telefonia fixa.

“Isso é uma bomba relógio nas mãos do Estado. Acho difícil que em 2025 encontremos um concessionário disposto a manter o serviço de telefonia fixa, e ainda poderá haver indenização pelos bens detidos pelas operadoras. Teremos então que destinar alguns bilhões no orçamento para a prestação da telefonia”, afirmou o presidente da Anatel.

A exemplo do que já acontecera na longa tramitação do PLC 79/16, que aguarda parecer da comissão de ciência e tecnologia sobre as emendas apresentadas, a agência foi novamente cobrada sobre os valores envolvidos na reforma da legislação e a transformação de concessões em autorizações. E mais uma vez, a Anatel evitou projeções firmes.

“O valor econômico do PLC 79 é um tema que causa grande curiosidade. Podem ser R$ 10 bilhões, R$ 20 bilhões, e há quem fale até em R$ 100 bilhões. Mas primeiro é preciso deixar muito claro que esse valor é móvel no tempo. Já comentei que entre 2015 e 2018 foram gastos R$ 1,1 bilhão com orelhões. Esse valor já derreteu. E a cada dia que nos aproximamos de 2025, o gelo continua derretendo”, disse Morais.

Assim como na visita ao presidente do Senado, há duas semanas, Leonardo de Morais alinhou aos senadores os principais projetos na mira da agência: além do PLC 79/16 estão na lista a revisão da legislação sobre o Fust, reduções no Fistel das antenas Vsats e eliminação para internet das coisas (PLS 349/18 e 7656/17), bem como o fim da proibição do controle cruzado na TV paga e a nova lei das agências reguladoras (PLS 52/13).


Internet Móvel 3G 4G
Cisco: 'Sempre estivemos e estamos no jogo do 5G"

O diretor de Políticas Públicas, Giuseppe Marrara, deixa claro que a digitalização da infraestrutura de telecomunicações do Brasil é estratégico para os negócios da companhia. "O 5G é um dos passos e, tirando os rádios, estamos disputando em todas as outras etapas", sustentou.

Revista do 63º Painel Telebrasil 2019
Veja a revista do 63º Painel Telebrasil 2019 Transformação digital para o novo Brasil. Atualizar o marco regulatório das telecomunicações é urgente para construir um País moderno, próspero e competitivo.
Clique aqui para ver outras edições

STF usa caso de lei paulista para cassar decisões sobre antenas no Rio, Minas e DF

Relator de três ações similares, Gilmar Mendes adotou o mesmo entendimento firmado pelo Supremo quando derrubou legislação estadual de São Paulo que restringia instalação de antenas de celular. 

Algar Telecom contabiliza aumento de 26% na carteira de clientes B2B

Operadora diz que não sentiu efeito da Covid-19 nos resultados do primeiro trimestre, mas reforçou o caixa como forma de precaução, com a emissão de R$ 150 milhões em debêntures em abril. O objetivo da captação foi garantir um colchão para “o cenário de incertezas”.

MPF quer que STF autorize acesso a dados de celular sem ordem judicial

Para MPF, é lícito extrair informações dos aparelhos no momento da prisão de suspeitos. 

Ericsson: Compartilhamento de espectro permite 5G às teles antes do leilão

Fabricante diz que, com as frequências do 4G é possível habilitar o 5G antes da licitação da faixa de 3,5GHz. Sobre o leilão 5G, a Ericsson diz que a decisão, ao final, será das operadoras. "Mas temos que tomar o cuidado para não ficarmos para trás", disse o presidente da Ericsson Latam Sul, Eduardo Ricotta.




  • Copyright © 2005-2020 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G