NEGÓCIOS

Unisys: LGPD exige interligação das agendas econômica e digital

Ana Paula Lobo ... 11/06/2019 ... Convergência Digital

O Brasil ainda tem muito por fazer para se adequar à Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais, mas as empresas já estão se mobilizando para entender o impacto da governança dos dados nos seus negócios, afirmou o CEO da Unisys para a América Latina, Eduardo Almeida. Em entrevista à CDTV, do Convergência Digital, durante o CIAB 2019, que acontece esta semana, em São Paulo, o executivo disse que a relação entre fornecedor e cliente passa por um momento de mudança.

"A transformação digital mudou as empresas, mas, de fato, quem está mudando é o usuário. Ele demanda mais transparência e maior controle das suas informações", observou Almeida. O executivo lembrou que o hackeamento de celulares de autoridades só comprova que o crime cibernético está no dia a dia dos negócios e da vida pessoal. "Quando se fala da tecnologia como viabilizadora de negócios, significa que ela tem de mitigar os riscos."

Segundo Almeida, a agenda econômica precisa ser interligada à agenda digital. "Não tenho dúvida que as duas andam de mãos dadas. A agenda digital faz com que a agenda econômica fique mais efetiva, uma vez que na era dos dados resguardar a informação é crucial", pontuou o executivo. Sobre o mercado financeiro, que representa mais de 50% da receita da Unisys na América Latina, Eduardo Almeida disse que, hoje, os temas mais relevantes são segurança da informação, gestão de riscos, a implantação de blockchain e o atendimento ao cliente. Assistam à entrevista com o CEO da Unisys, Eduardo Almeida.


ARTIGO . Por Melissa Torgbi

Cientista de dados: seja curioso, se envolva e tenha muita disposição para resolver problemas

Há muita empolgação acerca do termo “ciência de dados” atualmente. Para nós que queremos ser cientistas de dados, há alguns requisitos. Um deles: ter muita, mas muita vontade de aprender o tempo todo.

LGPD: Adequação passa pela governança e por mitigar os riscos digitais

Every Cybersecurity and GRC e RSA desenvolveram uma estratégia integrada para estimular a inovação e gerenciar os riscos aos negócios. Demanda por projetos aumentou na pandemia e mais de 30 já foram realizados.

Unicórnio brasileiro avança operações de pagamento para décimo país

Ebanx anunciou que também vai processar pagamentos no Uruguai. "Unicórnio" com mais de US$ 1 bi, empresa está também no México, Colômbia, Argentina, Chile, Peru, Bolívia, Equador e Uruguai, além do Brasil.

Finplace amplia em mais de 200% a oferta de crédito para PMEs

Criada no final do ano passado, a plataforma já movimentou mais de R$ 50 milhões e contabiliza 108 financiadores e uma carteira com mais de 500 clientes.

Se a bitcoin fracassar, o blockchain morre abraçado

FastBlock, empresa brasileira especializada em mineração por serviço, compra data center nos EUA para acelerar a mineração das criptomoedas. Ao Convergência Digital, o CEO Bernardo Schucman, adverte: Brasil não abre espaço à inovação. Sobre a credibilidade da bitcoin, o executivo diz que o estigma é concorrencial. "O velho mundo rejeita o novo. Golpes existem desde sempre. O que é a gangue do boleto?".



  • Copyright © 2005-2020 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G