NEGÓCIOS

Dados Pessoais: MP investiga vulnerabilidade do Boa Vista SCP no Cadastro Positivo

Convergência Digital* ... 14/01/2020 ... Convergência Digital

A Unidade Especial de Proteção de Dados e Inteligência Artificial (Espec) do Ministério Público do Distrito Federal e Territórios (MPDFT) instaurou Inquérito Civil Público (ICP) para investigar possível vulnerabilidade exposta no site sobre o Cadastro Positivo. O termo vulnerabilidade exposta é utilizado quando há a possibilidade de obtenção de informações sensíveis por agentes mal intencionados.

O MPDFT apura potencial vulnerabilidade no serviço prestado pelo birô de crédito do Boa Vista SCPC – Serviço Central de Proteção ao Crédito. Entre as falhas de segurança encontradas durante consulta no Cadastro Positivo, estão, por exemplo, a exposição do nome e sobrenome da mãe do titular do CPF consultado. Para o MPDFT, dados como nome da mãe somados ao CPF, por exemplo, permitem localizar cidadãos e obter mais dados pessoais em outros sites e instituições, como Receita Federal e Justiça eleitoral, por exemplo.

São quatro birôs autorizados pelo Banco Central (BC) a atuar como gestores: Serasa, Boa Vista SCPC, SPC Brasil e Quod. Desde a semana passada, quando o cadastro começou ser consultado, a Espec monitora as vulnerabilidades da plataforma. O cadastro positivo traz informações que identificam perfil do pagador e conferem a ele uma nota ou “score”, calculada com base em operações de crédito, como empréstimos bancários, financiamentos imobiliários e cartão de crédito, além de pagamentos de serviços, como luz, água e telefone.

Na ação, o MPDFT destaca que o Boa Vista SCPC é considerado um gestor pela Lei do Cadastro Positivo, e, como tal, possui responsabilidade objetiva e solidária pelos danos materiais e morais que causar aos cadastrados em suas plataformas.


Cloud Computing
Serpro vai oferecer Dados como Serviço ao Comando da Aeronáutica

Valor do serviço é de R$ 402 mil e tem validade de um ano e consiste na extração de dados brutos dos sistemas a serem compartilhados entre órgãos e entidades do Governo Federal.

Assespro promove o Censo do setor de TI edição 2019

Entidade conta com a colaboração das empresas do segmento para formular estratégias de desenvolvimento de novos negócios.

Brasil vai investir R$ 37,2 bilhões em TICs em 2020

Incertezas políticas e o baixo crescimento econômico não estão freando os aportes em TICs na América Latina e no Brasil, assegura a consultoria IDC. Maior parte dos aportes será feito em cloud, analytics, mobilidade e empreendimento social.

IBM: "Estamos sempre olhando para ativos no Brasil e no mundo"

"Qualquer aquisição passa pela autorização da matriz. Mas empresas interessantes são sempre analisadas", afirmou o presidente da IBM Brasil, Tonny Martins, ao ser indagado sobre a privatização das estatais de TI, Serpro e Dataprev, anunciada pelo Governo Bolsonaro.

TJ/SP autoriza Banco do Brasil a fechar contas-corrente da Mercado Bitcoin

Tribunal entendeu que não houve abuso de direito, nem indícios de violação à legislação concorrencial ou mesmo de ofensa à boa-fé por parte da instituição financeira com a corretora de criptomoedas.


3º Seminário Brasscom de Políticas Públicas & Negócios 2018 - Cobertura Especial Convergência Digital
Brasscom lança manifesto para construir um Brasil Digital e Conectado

Entidade quer a colaboração da sociedade e de entidades de TI ou não para entregar um documento aos presidenciáveis. "Tecnologia precisa ser prioridade nacional", diz o presidente-executivo da Brasscom, Sergio Paulo Gallindo.


Veja a cobertura da 3º Seminário Brasscom de Políticas Públicas & Negócios 2018

  • Copyright © 2005-2019 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G