Convergência Digital - Home

Nuvem em alta, celulares em baixa derrubam vendas de memórias

Convergência Digital
Convergência Digital - 17/04/2020

Ano mais fraco para a venda de smartphones misturado com a guerra comercial entre Estados Unidos e China, e uma super oferta de serviços de computação em nuvem criou a tempestade perfeita para o mercado de memórias em 2019. No geral, a queda foi de 32,7%, puxado pelo segmento de memórias NAND flash, no qual o tombo nas receitas bateu em 26,4%. 

“Entre os segmentos de memória, NAND flash sofreu a pior contração nas vendas de sua história em 2019, com as receitas declinando 26,4% por conta do alto nível dos inventários ao final de 2018 e de uma demanda sofrível na primeira metade de 2019. Demanda fraca dos smartphones e hiper escala dos provedores de serviços de nuvem derrubou os preços e forçou os fornecedores a cancelarem planos de fabricação”, aponta um levantamento da consultoria Gartner. 

Os dados fazem parte do relatório sobre semicondutores, uma vez que o mercado de memórias representa mais de um quarto da demanda total – e a queda dos semicondutores foi de 12% em 2019. A Gartner aponta excesso de suprimento e a disputa comercial entre EUA e China que distorceu os números. 

O ano de 2020 não parece trazer grandes melhorias. Especialmente porque os riscos associados à mencionada guerra comercial se tornaram pequenos comparados com os problemas causados pela pandemia do novo coronavírus. “A Covid-19 distorceu a cadeia de suprimentos e manufatura ao redor do mundo e levará a uma queda drástica nos gastos corporativos em praticamente todas as áreas”, avalia a consultoria. 


LEIA TAMBÉM:
Ministério da Justiça escolheu nuvem da Oracle para atender ao consumidor

"A nuvem nos abre um novo catálogo de possibilidades para serviços", afirma o coordenador geral de infraestrutura e serviços do Ministério da Justiça, Leonardo Greco. Serviço consumidor.gov.br migrou para a Oracle no final de maio.

CSU avança de empresa de BPO para uma companhia de tecnologia

Com diferentes atividades, entre elas, processamento de transações eletrônicas de meios de pagamento e serviços de relacionamento com clientes, a CSU contratou o NICE Nexidia para melhorar os resultados dos negócios com uma abordagem consultiva e analítica.

Ciência de dados é estudar para sempre, afirma Ana Oliveira, da Dell

"A tecnologia muda toda a hora e você, profissional, tem de se adequar. Sempre vai ter uma ferramenta nova para aprender", sinalizou a diretora de Ciência de Dados da Dell Technologies. Deslanchar na carreira exige, sim, dedicação e esforço.

Destaques
Destaques

Eletrobras contrata Analytics para acelerar jornada digital

Estatal, responsável por 1/3 da capacidade elétrica do Brasil, quer usar os dados para manter as melhores práticas de governança e investir em IoT, chatbots e robôs.

Hospital Care vai às compras e reforça transformação digital

Com foco em fusões e aquisições no setor de saúde, a holding vem obtendo inúmeros ganhos de integração e sinergia entre as empresas adquiridas e suas diferentes soluções locais, passando a atuar por meio de um Centro de Serviços Compartilhados que provê serviços corporativos a todas as unidades do grupo. Empresa aposto no SAP S/4HANA.



Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV

Veja mais artigos
Veja mais artigos

Como controlar os gastos em nuvem pública?

Por Srinivasa Raghavan*

Se as empresas obtiverem melhor visibilidade do custo de cada serviço em nuvem que utilizam, poderão encontrar o equilíbrio certo entre eles, reduzir as despesas operacionais e obter o melhor valor possível da nuvem.

O caminho da cibersegurança passa pela nuvem

Por Felipe Canale*

Com organizações cada vez mais distribuídas, manter dispositivos em todos os locais ou usar produtos diferentes para trabalhadores remotos cria inúmeras brechas de segurança, além de custar muito e sobrecarregar os recursos de TI.


Copyright © 2005-2020 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site