Home - Convergência Digital

Vivo antecipa pagamento, Vikstar paga parte do salário atrasado e TRTs assumem mediação

Ana Paula Lobo - 14/04/2021

A Vivo/Telefônica acertou o pagamento de R$ 3,85 milhões à operadora de telemarketing Vikstar para o acerto dos salários atrasados de cerca de 8 mil trabalhadores. O acordo foi firmado numa reunião nesta terça-feira, 13, onde a Vivo pediu uma garantia que o montante seria efetivamente usado para acertar a pendência salarial.

No Piauí, conta o presidente do Sindicato dos trabalhadores em telecomunicações do Piauí (Sinttel-PI) e da Federação interestadual dos trabalhadores e pesquisadores em serviços de telecomunicações (Fibratel), João Moura Neto, 60% foram pagos e os 40% restantes estão previstos para serem acertados nesta quarta-feira, 14.

"A Vikstar pagou o auxílio refeição e depositou os 60% do salário como o combinado. Para hoje, há o acerto dos 40% restantes. Acreditamos que o pagameneto será feito porque a Vivo sinalizou o interesse em acertar o quanto antes o pagamento dos trabalhadores", afirma João Moura Neto ao Convergência Digital. As partes têm ainda nesta quarta-feira, 14, uma audiência de conciliação no Tribunal Regional do Trabalho. A intenção é que Vikstar e Vivo se comprometam diante da Justiça em acertar todas as pendências trabalhistas.

"Temos de acertar o pagamento das verbas rescisórias e do passivo trabalhista, das ações já impetradas. Nós vamos apresentar o valor desse montante ao TRT. O contrato da Vikstar com a Vivo será válido até julho, mesmo já tendo sido rompido pela operadora e precisamos garantir que os salários seguirão sendo pagos e que todo o passivo trabalhista será acertado", reforçou João Moura Neto.

Enviar por e-mail   ...   Versão para impressão:
 

LEIA TAMBÉM:

16/07/2021
Justiça reverte decisão e isenta Vivo em clonagem de WhatsApp

14/07/2021
Rede Neutra:Contrato de dez anos entre Vivo e FiBrasil é de R$ 15,3 bilhões

12/07/2021
Vivo tem meta que sua cadeia de fornecedores seja net zero até 2040

23/06/2021
Vivo é a operadora mais bem colocada em ranking de ESG do Brasil

09/06/2021
Vikstar/Telefónica: Funcionários denunciam quebra de acordo de demissão

07/06/2021
Com ajuda da IA, Vivo quer recondicionar 1,5 milhão de modems e decodificadores até dezembro

27/05/2021
Reclamações contra telemarketing crescem 76% até abril

24/05/2021
Cadastro ‘Não Me Perturbe’ tem 8 milhões de números e será atualizado

14/05/2021
STF valida lei que proíbe telemarketing para empréstimos a aposentados

12/05/2021
À espera da Anatel, Vivo quer ter rede neutra de fibra no segundo semestre

Veja mais artigos
Veja mais artigos

Profissionais de TI: como reter talentos?

Por Ary Gatto*, CEO da Runtalent

Essa é a pergunta de um milhão de dólares. Não existe resposta correta, mas pela minha experiência, acredito que  os especialistas em TI buscam cada vez mais produtos e projetos inovadores, que tornem o dia mais prazeroso. É claro que dinheiro ainda é importante e fundamental, mas o cenário mudou.

Destaques
Destaques

Home Office foi realidade para apenas 11% dos trabalhadores no Brasil

Pesquisa feita pelo IPEA mostra que o setor privado respondeu por 63,9% do teletrabalho por conta da pandemia de Covid-19. Entre os funcionários públicos, a esfera federal teve 40,7% dos trabalhadores em regime de home office, enquanto a estadual, 37,1%, e a municipal, 21,9%.

Contratações em TIC cresceram 300% no 1ºtri e ainda assim foram insuficientes

Entre janeiro e março foram abertas 52.743 novas vagas, frente as 59.193 criadas ao longo do ano passado, segundo a Brasscom.

TRT-2 valida demissão feita pelo WhatsApp

A 18ª Turma do Tribunal Regional do Trabalho da 2ª Região confirmou a demissão de uma educadora de ensino infantil justificando que a OTT se 'tornou um grande aliado, especialmente em 2020, como ferramenta de comunicação como qualquer outra'.

Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV

Copyright © 2005-2015 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site