Clicky

INOVAÇÃO

STF e STJ vão usar inteligência artificial para compartilhar dados

Convergência Digital* ... 14/06/2021 ... Convergência Digital

Um acordo de cooperação entre o Supremo Tribunal Federal e o Superior Tribunal de Justiça prevê conhecimento compartilhado de informações entre as duas Cortes por meio do uso de ferramenta de inteligência artificial para a identificação de precedentes judiciais.

A proposta utiliza inteligência artificial já disponível no STJ para buscar processos antes que cheguem ao STF. Como a sistemática processual brasileira permite a interposição conjunta de recurso extraordinário (RE) para o STF e de especial para o STJ, mais da metade dos REs chegam ao STF após a tramitação no STJ – em 2020, esse valor foi equivalente a 57% dos recursos.

Assim, a Secretaria de Gestão de Precedentes (SGP) do Supremo poderá propor à Presidência novos temas de repercussão geral, a partir da seleção de processos paradigmas, antes mesmo de os recursos extraordinários chegarem à Corte. A medida possibilitará ganhos em celeridade processual e racionalidade de atividades jurisdicionais, com impacto direto na redução da litigiosidade nacional, evitando o trâmite desnecessário de processos em todas as instâncias.

A cooperação também irá permitir que o STJ, verificando se o tema já foi submetido à sistemática da repercussão geral, baixe o processo às instâncias de origem antes do julgamento do recurso especial lá ajuizado, para adequação de recursos às teses estabelecidas pelo STF sob o rito da repercussão geral.

* Com informações do STF


Cloud Computing
Farmácias Pague Menos usa IA para migrar para SAP S/4Hana

Com a inteligência artificial, a migração que levaria 16 meses, foi feita em apenas quatro meses. Software usado foi o Mignow e mudança é estratégia na jornada da transformação digital.

Substituto do supercomputador Tupã consome menos energia, mas tem capacidade restrita

Nova máquina contratada para substituir o supercomputador - que deverá entrar em atividade num prazo de até 90 dias-  não terá capacidade para fazer previsões climáticas de longo prazo por barreira técnica.

Finep vai acelerar 10 startups, com R$ 150 mil para cada projeto

Entre os diversos temas estratégicos desejados figuram 5G, cidades inteligentes, indústria 4.0 e internet das coisas. Programa se dará em três fases, cada uma de 40 dias.

Brasileiro é eleito para seleto clube de fellows em gerenciamento da informação

Walter Koch foi nomeado em abril pela Association for Intelligente Information Management (AIIM). Em entrevista ao Convergência Digital, Koch fala sobre Inteligência Artificial, ética e viés.

Open RAN precisa ser open source para garantir inovação

“A inovação, a agilidade, a metodologia do open source, tudo isso tem a ver com o Open RAN. Pode até tentar fazer proprietário, mas quebra o conceito”, afirma o global account manager da Red Hat, Ricardo Gulla.

Open RAN é oportunidade para Brasil em software e equipamentos de rádio

“Aposto no software para virtualização e na parte de rádio como áreas em que o Brasil pode se posicionar não só nacionalmente, mas no mercado internacional”, afirma o diretor do Inatel, Carlos Nazareth Marins.



  • Copyright © 2005-2021 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G