Home - Convergência Digital

Chatbot Fernanda comanda processo de escolha de estagiários do Uber no Brasil

Da redação - 09/08/2019

Em apenas duas semanas, o número de inscrições para o processo de estágio do Uber bateu recorde. Já são quase 3 mil candidaturas. Número alto quando se considera que é a primeira vez que a empresa abre estágio no Brasil. As inscrições ficam abertas até o dia 16 de agosto. Tal sucesso se deve ao fato de terem sido escolhidos para encabeçar a primeira fase do processo, dois chatbots: Fernanda, no Brasil, e Oscar, no México.

Os personagens escolhidos para personificar os bots que analisam os candidatos são carismáticos, jovens, e colaboradores reais da empresa, o que permite atrair ainda mais a identificação dos participantes. Fernanda foi escolhida porque era de interesse da empresa de transporte promover a diversidade e ter no Brasil uma protagonista mulher. Já Oscar, foi eleito por ser jovem e possuir outras características de personalidade que o Uber quer atrair como: ser perseverante, respeitar as diferenças, ser correto e ter caráter no trabalho.

"Os chatbots usados em RH precisam ser diferentes, engajar o candidato já nos primeiros segundos do processo. Não basta colocar um robô que não cria conexão. Além disso, a inteligência artificial permite avaliar uma quantidade infinitamente maior de pessoas e em qualquer lugar do mundo, e, ainda, otimiza tempo de duração e de resposta dos processos seletivos", diz Du Migliano, co-founder da 99jobs, consultoria responsável pela criação de toda a narrativa do processo seletivo.

Além de criar empatia com os candidatos, o papel dos chatbots é também apresentar a empresa, qual é o impacto que causa na sociedade, alguns gestores que terão contato no dia a dia, e um pouco das tarefas que serão desempenhadas, com o objetivo de atrair pessoas que tenham afinidade com a cultura organizacional, evitando surpresas desagradáveis depois da contratação.

"Quanto mais clareza um candidato tiver sobre a empresa em que vai trabalhar, melhor para os dois. Para o candidato, em termos de expectativas, crescimento e realização profissional e para a empresa, em termos de aumento de produtividade e diminuição de turnover", explica. Além dos testes de lógica e inglês, na primeira etapa do processo seletivo, a recrutadora se encarregou de desenhar o teste de escala de crenças, que resultará em um matching cultural entre candidato e empresa. Depois disso, haverá a parte das dinâmicas e entrevistas presenciais.

Ainda de acordo com o especialista, embora os chatbots conversem e interajam nesse trabalho de identificação e alinhamento de personalidades, em paralelo, há todo um sistema lendo esses currículos, filtrando as habilidades por meio de algoritmos criados especificamente para avaliar cada tipo de cargo e função, e encaminhando esses perfis para diferentes gestores da empresa. As inscrições podem ser feitas até o dia 16 de agosto pelo link: http://t.uber.com/estagiarios

Enviar por e-mail   ...   Versão para impressão:
 

LEIA TAMBÉM:

26/11/2020
Google Brasil abre inscrições para programa de estágio em 2021

26/11/2020
Startup Zé Delivery usa LinkedIn para contratar em tecnologia

24/11/2020
Startup de soluções financeiras Dock tem 90 vagas em desenvolvimento de software

10/11/2020
Open Banking e PIX induzem consultoria a abrir 100 vagas na área de tecnologia

05/11/2020
CI&T abre mais de 200 vagas em tecnologia

04/11/2020
TOTVS tem 300 vagas em TI em 10 cidades do país

03/11/2020
Inovação digital abre 500 vagas para profissionais de software

28/10/2020
Empresa do iFood, SiteMercado, abre 80 vagas para área de TI e produto

26/10/2020
Itaú Unibanco abre mais de 2 mil vagas em TI

23/10/2020
Salários em alta na TI. Cientista de dados pode chegar a R$ 26 mil

Diversidade e Ciência de Dados: um desafio ao Brasil

Mais mulheres precisam ocupar carreiras em Ciências, Tecnologia, Engenharia e Matemática pelo bem do País, incentiva a embaixadora da Women in Data Science da USP (WiDS @USP), Renata Sousa.

Veja mais artigos
Veja mais artigos

A confiança é ganha com mil atos e perdida com apenas um

Por Luis Banhara*

À medida que o conceito de trabalho se descola dos escritórios, mesmo que parcialmente, surgem novos desafios de segurança. A superfície de ataque foi ampliada.

Destaques
Destaques

Certificação é critério de seleção para encarregado de dados

Ainda que a LGPD não exija qualificação específica, o mercado busca profissionais com conhecimento na área. Formação pode custar até R$ 6 mil, observou Mariana Blanes, advogada e sócia do Martinelli Advogados, ao participar do CD em Pauta.

Teletrabalho: sem regulamentação, sem direitos, sem deveres, sem regras

Depois da nota técnica do MPT alertando para o direito à desconexão, Congresso tenta acelerar a votação dos PLs que tratam do tema, entre eles o PL 3915/20. O tema é complexo. IN 65, do governo federal, repassa os custos com tecnologia para os servidores no home office.

Ministério Público: Teletrabalho exige direito à desconexão

Ministério Público do Trabalho elaborou uma nota técnica direcionada para as “empresas, sindicatos e órgãos da administração pública”.  Na orientação, sugere a adoção de etiqueta digital para orientação de patrões e empregados.

Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV

Copyright © 2005-2015 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site