Home - Convergência Digital

Teletrabalho: servidor é obrigado a assumir custo de energia, de TI e de Internet

Convergência Digital* - 31/07/2020


Foi publicada no Diário Oficial da União desta sexta-feira, 31/07, a Instrução Normativa número 65, do Ministério da Economia, com novas regras que institucionalizam o teletrabalho como alternativa após o fim da pandemia do novo coronavírus. A norma entra em vigor a partir de 1º de setembro deste ano.

Até antes da pandemia, o teletrabalho ou trabalho remoto no Executivo Federal, era permitido apenas na forma de projeto-piloto. De acordo com a Secretaria Nacional de Desempenho pessoal da pasta, 360 mil servidores estão em trabalho remoto: 270 mil são de universidades e institutos federais e 62% da força de trabalho do Executivo.

Mas a IN traz uma questão complexa com relação ao home office: o governo determina que "quando estiver em teletrabalho, caberá ao participante providenciar as estruturas física e tecnológica necessárias, mediante a utilização de equipamentos e mobiliários adequados e ergonômicos, assumindo, inclusive, os custos referentes à conexão à internet, à energia elétrica e ao telefone, entre outras despesas decorrentes do exercício de suas atribuições."

Isso significa que todo o custo do trabalho será arcado pelo servidor público e não mais pelo Governo Federal. A experiência forçada pela pandemia de Covid-19 ao longo dos últimos quatro meses deixou duas indicações: no geral, não há perda de produtividade, e além disso o trabalho remoto tem impacto direto em despesas de custeio, uma vez que não há mais pagamento de vale transporte, vale refeição e outros benefícios. Por conta da pandemia, 357.767 servidores estão em regime de teletrabalho – o que significa 95% da rede federal de educação e 49% dos órgãos públicos. Leia a íntegra da IN 65.

Enviar por e-mail   ...   Versão para impressão:
 

LEIA TAMBÉM:

14/05/2021
Teletrabalho aumenta produtividade, mas reduz bem-estar

12/05/2021
Consumo de Internet dobrou no Brasil por conta da Covid-19

12/05/2021
Cibercriminosos usam e-mail na nuvem da Microsoft para massificar phising da Covid-19

10/05/2021
Covid-19 repagina o segmento de outsourcing de TI no Brasil

06/05/2021
Dell: Na pandemia, tecnologia evidenciou as desigualdades e retomada passa pelo 5G

05/05/2021
MP do Governo muda as regras para teletrabalho

30/04/2021
Gastos com computação em nuvem bateram recorde no mundo

28/04/2021
Na Índia, empresas de serviços de TI montam salas de guerra contra explosão da Covid-19

28/04/2021
Governo reedita redução de jornadas de trabalho e suspensão de contratos por conta da Covid-19

27/04/2021
Teletrabalho fica longe de ser a melhor opção das PMEs

Veja mais artigos
Veja mais artigos

Trabalho híbrido, cloud, segurança, 5G: como fica o mercado de TI no Brasil?

Por Mauricio Suga*

A pandemia da Covid-19 e as mudanças decorrentes dela foram grandes aceleradores da transformação digital, tanto no Brasil quanto a nível mundial. Mudamos a maneira como trabalhamos e entendemos o local de trabalho, como gerimos e nos relacionamos com equipes e, também, revisitamos as prioridades de investimentos organizacionais, sejam elas de curto ou longo prazo.

Destaques
Destaques

MP do Governo muda as regras para teletrabalho

A MP 1046/2021 diz que a infraestrutura necessária para a prestação do trabalho remoto tem de estar em contrato firmado previamente ou em até 30 dias depois da mudança do regime de trabalho.

Governo reedita redução de jornadas de trabalho e suspensão de contratos por conta da Covid-19

Programa passa a ter validade a partir desta quarta-feira, 28 de abril e terá validade de 120 dias.Trabalhador que for inserido no programa terá estabilidade de até seis meses.

TIC incorporou 59 mil novos profissionais e gerou 1,62 milhão de empregos em 2020

Apesar da adversidade econômica e social com a Covid-19, TIC manteve a empregabilidade em alta. "Respondemos à desoneração da folha de pagamentos cumprindo o que nos cabia. Gerar empregos", afirmou o presidente-executivo da Brasscom, Sergio Paulo Gallindo.

Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV

Copyright © 2005-2015 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site