Clicky

Home - Convergência Digital

TIM leva 4G para mais 98 municípios no Rio Grande do Sul

Convergência Digital - 29/04/2021

A TIM ampliou a cobertura 4G em mais 98 municípios gaúchos, totalizando 404 cidades com essa tecnologia, a segunda maior cobertura 4G no Estado, chegando a 99,04% da população urbana, nos primeiros três meses do ano. Além do Rio Grande do Sul, a companhia segue direcionando seus investimentos para modernizar e ampliar sua rede em todo o Brasil e, até 2023, vai levar o 4G a todos os municípios brasileiros.

O aumento da cobertura, em todos os DDDs do Estado, inclui cidades como: Frederico Westphalen, São José dos Ausentes, Nova Roma do Sul, Pareci Novo, Maratá, Nova Candelária e Brochier. Segundo o diretor Comercial da TIM para a Região Sul, Christian Krieger, a operadora está reforçando ainda mais seus investimentos no Rio Grande do Sul pois entende que ainda há muito espaço para crescer entre os gaúchos. "A cada dia consolidamos nossa marca no Estado. Nosso objetivo ao longo deste ano é levar uma rede robusta e de qualidade para os municípios menores."

No RS, a TIM já lidera a cobertura com o maior número de antenas 4G em 51% das cidades com mais de 50 mil habitantes, incluindo Porto Alegre, Canoas, Pelotas, Santa Maria, Gravataí, Novo Hamburgo, Viamão e São Leopoldo. Desde janeiro, a operadora também chegou a mais 44 cidades gaúchas com o 700MHz. Com isso já são 268 com essa frequência, que permite um maior alcance do sinal, especialmente em ambientes fechados.

Essa faixa – mais baixa que as usadas anteriormente – tem maior alcance de cobertura, proporcionando uma experiência mais completa aos clientes, que passam a ter um sinal mais intenso e com melhor qualidade em locais mais afastados e distantes das antenas e também em ambientes indoor, como shoppings e estacionamentos subterrâneos.

Enviar por e-mail   ...   Versão para impressão:
 

LEIA TAMBÉM:

16/06/2021
Cade aprova venda do controle da empresa de fibra da TIM para IHS

15/06/2021
TIM emite R$ 1,6 bilhão em debêntures vinculadas à ESG

08/06/2021
3G tem data marcada para morrer na Alemanha

01/06/2021
O 5G ainda está à espera do leilão, mas Inatel e RNP lideram projeto Brasil 6G

01/06/2021
Claro tem maior velocidade, Vivo a maior cobertura e TIM, o 4G mais constante

28/05/2021
TIM expande parceria e abastece quase mil antenas e torres com energia solar

20/05/2021
Telesat e TIM testam uso de satélite LEO para backhaul e 5G

06/05/2021
TIM: Oi móvel é uma operação de venda para resolver um problema do setor

06/05/2021
TIM cansa de esperar teles e faz carreira solo na carteira digital

06/05/2021
CRM e big data da TIM vão estar 100% na nuvem até junho

Destaques
Destaques

IBM: Com 5G e Edge, redes das teles serão plataformas definidas por software

Só assim as operadoras de telecomunicações vão ser capazes de suportar as novas aplicações e terão como monetizar volumes crescentes de dados habilitados para o 5G e edge aponta estudo global da IBM, conta a líder de serviços de consultoria para a indústria de mídia e Telecomunicações da IBM América Latina, Marisol Penante.

GSMA faz ofensiva para reverter decisões a favor do Wi-Fi na faixa de 6GHz

Associação da indústria móvel admite, porém, que os países, na sua maioria, estão decidindo por dar a faixa de 6GHz, com 1200 Mhz, para os serviços não-licenciados, mas adverte: o 5G vai precisar de 2GHz de espectro na próxima década para oferecer todo o seu potencial.

Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV
Veja mais artigos
Veja mais artigos

Serviços de Valor Agregado são a aposta das teles para lucrar com 5G

Por Luiz Pereira*

Em tempos nos quais o serviço de conexão já virou commodity, companhias do setor precisam diversificar ofertas para aproveitarem nova tecnologia.


Copyright © 2005-2020 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site